Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Realeza / Polêmica

Pai de Meghan Markle acusa família real de participar de um culto

Ele afirma que os membros da realeza se afastam de tudo

CARAS Digital Publicado em 20/08/2018, às 17h06 - Atualizado em 21/08/2018, às 10h51

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Meghan e Thomas Markle - Getty
Meghan e Thomas Markle - Getty

Mais uma vez, Thomas Markle não hesitou em falar mal da família real. Desde o casamento de sua filha Meghan Markle com o príncipe Harry, o homem já se indignou diversas vezes com algumas das atitudes da realeza.

Ele conversou com o The Sun na sexta-feira, 17, e falou sobre sua infelicidade, acusando a rainha e sua família de participarem de um culto.

"Eles são ou cientologistas ou a família Stepford", comentou ele, fazendo referência, respectivamente, à religião controladora e ao livro em que membros de uma cidade inteira são submetidos a lavagem cerebral para se comportarem como modelos. "Eles agem como um culto – tipo cientologia – porque eles são cheios de segredos", acrescentou.

Ele ainda falou sobre o silêncio frequente vindo dos palácios. "Se eles ouvirem alguém falando qualquer coisa, eles já trancam as portas. Eles precisam falar algo!", reclamou. "Eles fecham as portas, abaixam as cortinas e colocam os dedos nos ouvidos pra não precisar ouvir nada. Você não pode perguntar nada sobre eles – eles não vão responder", acusou. Ele e a filha não se falam desde o casamento, embora ela tenha vontade de reatar a relação.

Ainda terminou com uma brincadeira em forma de provocação. "Talvez eles também tenham um aperto de mão secreto", disse.