Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Vestido de noiva mullet de Fatinha foi inspirado em clipe do Guns N' Roses. Aprenda a usar!

Fatinha, personagem de Juliana Paiva em Malhação, vai se casar com um vestido de noiva mullet - curto na frente e comprido atrás. Para usar o modelo, a mulher precisa ter personalidade e adaptá-lo ao próprio tipo físico. Saiba como!

CARAS Online Publicado em 04/07/2013, às 12h43 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Vestido de noiva de Fatinha (Juliana Paiva), de Malhação, é mullet - Malhação/ TV GLOBO
Vestido de noiva de Fatinha (Juliana Paiva), de Malhação, é mullet - Malhação/ TV GLOBO

Independentemente do modelo, o vestido de noiva tem que atender a um único requisito: estar adequado ao estilo da mulher. Para o casamento com Bruno (Rodrigo Simas) em Malhação, Fatinha (Juliana Paiva) escolheu um vestido que transmite o seu jeito sensual: o mullet - aquele que é mais curto na frente e comprido atrás. Com ele, a noiva pôde deixar a perna à mostra e, mesmo assim, não abandonar elementos dos vestidos tradicionais. “O tecido é todo tradicional, mas o modelo dele é diferente, é para causar. Me inspirei no clipe “November Rain”, do Guns N’ Roses, pra fazer isso”, diz Rosane Gonçalves, figurinista de Malhação, em entrevista ao site da novela.

Noivas: o vestido ideal para cada tipo físico

Vestidos de noiva das famosas: saiba qual é o modelo ideal para você 

O mullet está na moda. Mas, assim como Fatinha, a noiva que quiser usar o modelo tem que “bancar” o estilo. “Tem que querer inovar para se encaixar nesse modelo”, diz a estilista Elisa Lima, da Trinitá. Neste caso, não é a cauda longa ou o véu que chamam atenção, e sim a frente curta e despojada.

No que diz respeito ao tipo físico, com adaptações, toda mulher pode usar o modelo. As baixinhas, por exemplo, têm que encurtar a saia para provocar uma sensação de silhueta longilínea. Mesmo assim, o salto alto é indispensável. A noiva que tem o quadril largo, que é a de silhueta triangular, pode optar por uma saia lisa. E para a noiva alta, volume e assimetria estão liberados. Mas um conselho é válido para todas: “O modelo pode ser feito de organza de seda, tule ou renda. Isso porque é fundamental ter leveza e movimento”, sugere Lucas Anderi, estilista.

O second dress - ou segundo vestido de noiva - conquista noivas ‘baladeiras’

Se você não quer usar modelos clássicos, aposte nos vestidos de noiva curtos sem perder a elegância