Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Atualidades / Eita!

Neymar Jr. fala 'calma, calabreso' e web reage: "Acabou o meme"

Após a expressão 'Calma, calabreso' viralizar no BBB 24, web reagiu à postagem de Neymar Jr. sobre o assunto: "Bruno Marquezino"

Neymar Jr. - Foto: Reprodução/ Getty Images
Neymar Jr. - Foto: Reprodução/ Getty Images

Após a discussão entre Davi e Lucas Henrique no Big Brother Brasil 24, a expressão 'Calma, Calabreso' viralizou e chegou ao Neymar. O jogador de futebol publicou o meme no seu perfil oficial do X, antigo Twitter, entrando na brincadeira, mas foi recepcionado por uma onda de piadas dos internautas.

O público não aguentou e foi criativo nas respostas ao pai de Mavie. Eles inventaram apelidos pro atleta seguindo a linha de raciocínio do “Calabreso” - em que se flexiona o gênero das palavras para o masculino - chamando-o de: “Mr. Catro”, “Bruno Marquezino”, “Bruno Biancardo”, “Neymaro Junioro” e muitos outros.

Outros internautas afirmaram que depois da publicação de Neymar, o meme teria perdido a graça: “Acabou o meme”, disse um seguidor. “Acabou com a piada nossa”, disse outro. “Você consegue flopar tudo que toca”, afirmou outro.

Equipe de Neymar se pronuncia após húngara afirmar ter uma filha do atleta

A húngara Gabriella Gaspar, que trabalha como estoquista em Budapeste, recentemente entrou com uma ação na Justiça contra Neymar, alegando ter uma filha de 10 anos com o jogador de futebol. Ela pede que o atleta realize um teste de DNA para confirmar a paternidade e uma pensão equivalente a 30 mil euros mensais (cerca de R$ 160 mil), de acordo com o advogado Angelo Carbone.

Gabriella, que foi assistir a um jogo da Seleção Brasileira na Bolívia, teria conhecido o craque durante sua passagem pelo país e engravidado do atleta. Ela afirma ter feito várias tentativas de contato, inclusive com a família do craque, além de ter enviado uma carta ao Instituto Neymar Jr e mensagens no Instagram do próprio jogador.

A mulher alega não ter condições econômicas para criar a pequena Jazmin Zoé e requer que Neymar arque com custos que teve durante dez anos, incluindo a alimentação da menina e exames feitos durante a gravidez. O valor da causa requerido pelo advogado chega a R$ 2 milhões.

A reportagem entrou em contato com a assessoria de imprensa de Neymar, que preferiu não comentar o caso.