Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARAS

'Não me importo de terem me visto pelada', diz Carolina Dieckmann sobre fotos roubadas

Redação Publicado em 02/12/2012, às 15h26 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Carolina Dieckmann em inauguração de loja de sapatos - Amauri Nehn/AgNews
Carolina Dieckmann em inauguração de loja de sapatos - Amauri Nehn/AgNews

Em maio deste ano, Carolina Dieckmann (34) viu sua intimidade ser exposta e a segurança de sua família ameaçada ao ter seu computador invadido por hackers, que chegaram a divulgaram na internet algumas fotos em que ela aparece nua. Porém, acima de sua imagem, a atriz se preocupou com o marido, Tiago Worcman (34), e, principalmente com os filhos Davi (13) – do casamento com Marcos Frota (56) – e José (5), já que o aparelho eletrônico continha todos os dados da rotina do clã, o que incluía endereços e telefones.

“O grave não foi a invasão de privacidade e sim o crime, o fato de roubarem coisas que estavam dentro do meu computador, de tentarem me extorquir e, não conseguindo, colocarem as fotos na rede, que aí entra na questão da privacidade”, disse a atriz no Altas Horas. “O que gosto de enfatizar e que acho que ficou claro com tanta repercussão e a criação da lei é que foi um crime. Crime de internet é muito recorrente e é um absurdo que a gente sofra sem legislação. Tem 1 bilhão de crimes deste ao ano e não tinha legislação”.

Por ser uma atriz experiente, Carolina lidou bem com a nudez, mas ficou não descansou enquanto não descobriu como invadiram seu computador. “Não me importo de terem me visto pelada. As fotos não eram para isso, tudo bem, mas sou uma atriz bem desencanada com a questão da nudez. Eu não queria que ninguém visse, mas aconteceu. O grave mesmo foi o crime. Tive um desespero muito maior com o fato de uma pessoa ter informações da minha vida. O cara tinha todos os meus endereços, a escola dos meus filhos, tudo o que eu tinha no meu computador ele tinha. Então, a foto em si era pequena perto de um fantasma de quem conseguiu e como conseguiu fazer isso. Só sosseguei quando descobri o que de fato tinha acontecido, então fiquei mais apavorada com o que mais ele podia ter a meu respeito”.

No início de novembro, o Senado Federal aprovou um projeto de lei que incrimina certas condutas na internet e que ficou popularmente conhecida como Lei Carolina Dieckmann. Apesar do ocorrido, a atriz se sente realizada por ter conseguido mudar a constituição. “A lei abrange todos os crimes de internet, desde clonagem de cartão, que é algo que acontece toda hora, até roubo de informações”, finalizou.

Atualmente, o projeto de lei está em trâmite no Congresso Nacional.