Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
TV / Mudanças!

Bruno Guedes reflete sobre transformações pessoais e profissionais pós-isolamento

Ator Bruno Guedes revelou que o isolamento foi responsável por criar uma conexão com Zion, seu filho com a influenciadora Jade Seba

André Luiz Freitas Publicado em 25/04/2022, às 12h09

Bruno Guedes reflete sobre a importância da sua família e suas transformações pessoais e profissionais pós-isolamento - Foto/Instagram
Bruno Guedes reflete sobre a importância da sua família e suas transformações pessoais e profissionais pós-isolamento - Foto/Instagram

Bruno Guedes (28) arrebata corações por onde passa desde a novela Gênesis.

Casado com a influenciadora Jade Seba (28), pai do pequeno Zion, de apenas 3 anos, o carioca celebra a volta das atividades artística e faz uma reflexão sobre a sua carreira durante o período pandêmico: “No lado pessoal, o isolamento foi bom pois pude me conectar mais com a minha família. Meu filho nasceu no meio de 2019, eu estava em uma batida intensa de gravações de uma novela onde eu era um dos vilões e a gente gravava bastante", diz ele.

"Então, naquele momento, eu tive que me dividir na minha função como pai. Até a pandemia, desde quando eu comecei a trabalhar com televisão, eu fiz uma novela por ano. O isolamento me permitiu criar uma conexão com meu filho, que antes não dava pela correria. A gente tem que aproveitar os momentos bons e obviamente tirar lições e proveito também dos momentos de dificuldade”, conta.

O ator afirma que saiu da pandemia com as relações familiares ainda mais firmes e estabelecidas: “Não só com a Jade, com o Zion, mas também com o meu pai, com a minha mãe, com meu irmão. Eu me frustro muito também de não poder ter dado essa mesma atenção que hoje eu dou pra minha família. pros meus avós que já faleceram mais de dez anos atrás e você vê que isso também é um pouco de maturidade. A pandemia também trouxe essa questão do imediatismo. A gente não tem tempo para brigar, para ficar de cara emburrada. Hoje eu tenho pressa pra viver.”, aponta ele.

Não só como pessoal, mas Bruno também se redescobriu como ator nesses últimos meses e acredita que o aprendizado interior só irá agregar em seu futuro como ator: ‘Eu estava estudando, vendo referências diferentes, foi o momento mais livre da minha carreira, onde eu tive tempo de estudar. Eu pegava algumas cenas que eu achava interessante, decupava elas, tentava reproduzi-las para entender. Quando eu falo da minha profissão, eu falo com muito orgulho, porque eu digo que eu não escolhi ser ator. A profissão me escolheu.”, concluiu ele.