Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
TV / Polêmica

Após polêmica, apresentador que postou foto de sunga é impedido de entrar na emissora

Gilberto Ribeiro desabafou nas suas redes sociais após ter sido impedido de entra na emissora

CARAS Digital Publicado em 17/05/2019, às 14h45 - Atualizado às 14h50

Apresentador da Record é impedido de apresentar programa - Reprodução/Instagram
Apresentador da Record é impedido de apresentar programa - Reprodução/Instagram

O apresentador do Balanço Geral de Curitiba, Gilberto Ribeiro deveria apresentar nesta sexta-feira, 17, o seu último programa. Mas, segundo Gilberto, ele foi impedido de entrar na emissora.

Nas suas redes sociais, o jornalista desabafou “Eu cheguei para cumprir com a minha obrigação como sempre fiz, cheguei para apresentar o meu ‘Balanço Geral-Curitiba’ e não deixaram o Gilbertão nem entrar aqui na Rede de TV Record”, disse emocionado em frente ao prédio. 

“São 39 anos de história, que pena que termina assim dessa forma. Eu só queria saber o que eu fiz de errado [...] Eu só queria entender o que eu fiz de errado”, finalizou.

Ao que tudo indica, a demissão veio por conta das fotos publicadas por Gilberto nas redes sociais, onde aparece de sunga. Porém, suas imagens começaram a viralizar na web devido ao seus atributos físicos. 

Procurado pelo site Notícias da TV, a RIC TV deu outra versão foi o afastamento “Informamos que sua saída da atração do horário do almoço deu-se exclusivamente em função de mudanças que estão sendo feitas em toda a grade, sendo que propusemos a ele um novo projeto em novo horário, para o qual ainda não recebemos nenhuma resposta oficial por parte do comunicador”, declararam. 

Sobre o caso

No dia 18 de abril, Gilberto recebeu uma carta de demissão da RIC TV. Na época, o jornalista estava disputando um cargo na Assembleia de Paraná, ao qual teve sua reeleição. 

No final de abril, a carta de demissão foi revogada. Então, o presidente da emissora, Leonardo Petrelli Neto, anunciou que Gilberto não seria demitido. 

Recontratado, o jornalista continuaria no comando do programa, do meio-dia até esta sexta-feira, 17 e depois disso assumiria a edição das 6h30 do “Balanço Geral”, porém não foi o que aconteceu.