Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

"É a história dos meus pais", diz Thuany Parente, protagonista de 'A Era do Rock'

Thuany Parente e Diego Montez comentam semelhanças com Sherrie e Drew, seus personagens na versão nacional de 'Rock of Ages'

Kellen Rodrigues Publicado em 09/06/2017, às 11h09 - Atualizado em 29/10/2018, às 13h05

Thuany Parente e Diego Montez em 'A Era do Rock' - Edson Lopes Jr. / Divulgação
Thuany Parente e Diego Montez em 'A Era do Rock' - Edson Lopes Jr. / Divulgação

Uma volta à extravagante e libertária década de 1980 embalada com muito rock and roll e humor. É o que o público encontra em A Era do Rock - A Comédia Musical da Broadway, versão nacional de Rock of Ages, em cartaz no Teatro Porto Seguro, em São Paulo. 

O espetáculo de Chris D'Arienzo narra a saga de Sherrie (Thuany Parente) e Drew (Diego Montez), dois aspirantes à fama com muitos sonhos e pouca grana, que trabalham em um bar enquanto buscam o estrelato. Lá eles se apaixonam e formam um casal um tanto quanto atrapalhado. "O bacana do Drew é que ele não é um roqueiro, ele quer ser, tanto que quando ele dá certo é numa boy band. Ele é pop e acha que é roqueirão", diverte-se Diego. "O que eu acho legal na Sherrie é que ela quebra esse paradigma de uma mocinha indefesa, ela vê que não precisa ser isso, é uma coisa "não preciso de ninguém, eu me basto". Espero que toda mulher tenha essa sensação, é muito libertadora, eu me identifico com isso", avalia Thuany.

A atriz de 25 anos, que atuou em sucessos como Wicked e Rent, teve em casa sua maior escola para o musical. "É muito a história dos meus pais. Meu pai era cantor de uma banda de rock cover e cantava exatamente essas músicas. Minha preparação foi desde pequenininha", diz a carioca. "Ele pirou, claro que ele fica feliz por todas as minhas conquistas, mas essa muito mais", festeja ela, que agradou também outro membro muito exigente da família. "Meu tio assistiu à peça na Broadway e todo musical que eu falava que ia fazer ele dizia 'legal, mas você tem que fazer Rock of Ages'. Assim que eu passei eu liguei pro meu pai e falei: avisa o tio Vicente que eu vou ser a protagonista do Rock of Ages", diverte-se ela, que mobilizou os familiares em caravana do Rio para assistir ao musical em São Paulo.

Apaixonado pela história, Diego assistiu ao espetáculo nada menos que seis vezes. "São músicas que eu ouvi quando menor, mas eu tenho uma memória muito escassa porque minha família é muito dos anos 80 no Brasil. Cresci com Magal, Chacrinha, Rosana. Quando esse reencontro aconteceu lá na Broadway eu fiquei apaixonado", confessa o filho de Sônia Lima e Wagner Montes

Uma de suas inspirações para o personagem foi um documentário do Journey no qual a banda escolheu um jovem no YouTube para participar de sua turnê. "Todo mundo quer o lugar ao sol, a oportunidade de mostrar o trabalho de uma forma onde a gente possa tocar as pessoas. Eu fiz uma análise da minha vida e parei pra pensar nisso, já tive uma oportunidade deliciosa com a Angel de poder tocar as pessoas como ela me tocou quando assisti Rent e espero que A Era do Rock também faça isso", diz o artista de 26 anos. "Não é um besteirol só. É divertidíssimo, claro, mas esse lugar do sonho é muito importante, essas pessoas criaram o final feliz delas. Acho muito legal a proximidade que o Drew tem comigo em relação a isso, de ser um cara que acredita".

A história se passa em 1987 no lendário Bourbom Room e é narrada por Lonny (Gabriel Bellas). É ele o responsável por deixar as piadas com um toque bem brasileiro - em uma das falas, por exemplo, define a década como "a época que você queria ser paquita". "O espetáculo é completamente a nossa cara: o cenário, figurino, visagismo, som, luz", explica o diretor Léo Rommano. "A gente inseriu nossas referências mais para questão da comédia. Como o Lonny não está em Los Angeles dos anos 80, mas entre aqui e lá narrando o show, nos deu a liberdade de inserir algumas piadas mais atuais e brasileiras", explica Ricardo Marques que assina a direção artística e interpreta o rockstar Stacee Jaxx na produção da 4ACT.

As músicas, todas mantidas em inglês, são tocadas ao vivo por uma banda de rock e o público é convidado a cantar junto. Foi essa interatividade, diz Léo, que o encantou ao assistir ao musical em Nova York em 2013. A intenção é fazer o público voltar para casa cantando clássicos como I Wanna Rock, do Twisted Sister, e sucessos de Europe, Foreigner, Poison, entre outros ídolos dos saudosos anos 80. "Era realmente uma época onde podia tudo e a gente pode ver isso no palco de uma forma muito carinhosa, com a história, os figurinos, as relações dos personagens. Por mais que o espetáculo se passe em Los Angeles, é uma era onde tudo podia no mundo inteiro. Mesmo quem não viveu a época tem um carinho", acredita. A direção musical é do experiente Paulo Nogueira, maestro também de Les Misérables.

O elenco composto por 17 atores traz ainda Ana Luiza Ferreira como Regina e Rodrigo Miallaret como Dennis.

O enredo:

Tudo começa quando a jovem Sherrie chega em Los Angeles, vinda de uma pequena cidade dos EUA, cheia de expectativas na mochila. Ela sonha em se tornar uma atriz de sucesso, mas, pouco após desembarcar do ônibus, tem sua mala roubada. Drew, funcionário do Bourbon Room, ajuda Sherrie a conseguir um emprego de garçonete na famosa casa de shows.

O Bourbon é um lendário clube de música, onde muitas bandas de rock começaram a sua carreira. Empresários alemães convencem o prefeito de Los Angeles a limpar a cidade e torná-la um lugar mais “agradável” e “familiar”. Para que isso aconteça, eles precisam destruir muitos comércios existentes, incluindo o Bourbon Room. Dennis, o proprietário, acredita que pode salvar o seu clube, se ele conseguir convencer a estrela do rock Stacee Jaxx e sua banda Arsenal a darem seu último show por lá.

Rock of Ages estreou em 2005 em Los Angeles e chegou à Broadway cinco anos depois. Em 2012 ganhou versão para o cinema com Julianne Hough, Diego Boneta, Tom Cruise, Russell Brand e Catherine Zeta-Jones no elenco.

Serviço:
A Era do Rock - A comédia Musical da Broadway
Quando: até 30 de julho - sextas (às 21h), sábados (às 17h e 21h) e domingos (às 18h)
Local: Teatro Porto Seguro, São Paulo