Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Música / CAMARIM

Paul McCartney: Veja os pedidos do astro para camarim no Brasil

Paul McCartney vai fazer seis shows no país, passando por Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Curitiba e Brasília

Paul McCartney - Foto: Getty Images
Paul McCartney - Foto: Getty Images

Paul McCartney, de 81 anos de idade, costuma seguir suas tradições e hábitos quando se trata de seus pedidos para seu camarim em shows. Desde 2010, sua lista de pedidos para camarim é considerada tranquila e sem mudanças. McCartney vai fazer seis shows no país, passando por Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Curitiba e Brasília.

Para a passagem pelo Brasil neste ano, de acordo com o site Quem, o ex-Beatle reforçou o pedido para que nenhum dos móveis seja de couro animal ou de qualquer tecido ou estampa que imita a pele animal. Os movéis devem ter tons neutros, mas ele pede para que não sejam brancos. Ainda falando em decoração, o astro pede também plantas verdes “cheias” e gérberas coloridas. 

Paul viaja com seu chef e, a cada cidade, é contratado um chef local, especializado em comida vegetariana, para suporte, além de um especialista local para fazer as compras de alimentos frescos. Ele também exige 25 toalhas de mão na cor preta.

Paul chega ao Brasil com a turnê Got Back e fará seis apresentações: 30 de novembro em Brasília; 3 e 4 de dezembro em Belo Horizonte; 7,9 e 10 de dezembro em São Paulo; 13 de dezembro em Curitiba; e 16 de dezembro no Rio de Janeiro.

“Got Back” marca a volta do artista aos palcos desde 2019, e se iniciou em abril nos Estados Unidos na cidade Spokane, em Washington. Antes de vir para o Brasil, Paul ainda passará com sua tour repleta de hits dos Beatles pela Austrália.

No seu site oficial, Paul comentou sobre sua vinda ao Brasil e o que espera deste retorno ao país com seus shows. “Temos ótimas lembranças de todas as nossas visitas ao país. Eu amo ir ao Brasil porque vocês gostam de rock, de cantar e festival ao mesmo tempo. Estamos muito animados. Vamos nos divertir. Vamos arrasar. Vamos passear. E Brasil, vamos nos divertir muito”.