Carnaval Oscar 2019

Polêmica! Spike Lee fica irritado e protesta por vitória de 'Green Book'

segunda 25 fevereiro, 2019
Spike Lee
Spike Lee Getty Images


O diretor teve uma atitude inesperada quando divulgaram o prêmio de melhor filme

Spike Lee não ficou nada feliz com a vitória de Green Book: O Guia como melhor filme do Oscar 2019. O diretor de Infiltrado na Klan, que ganhou como melhor roteiro adaptado, teve uma reação inesperada logo em seguida que foi divulgado que a estatueta iria para o longa do diretor Peter Farrelly.

Segundo o Deadline, o cineasta ficou claramente irritado quando ouviu o nome do filme ser chamado por Julia Roberts.

O site ainda afirmou que Lee se levantou de sua carreira e andou até os fundos do Kodak Theatre, onde conversou brevemente com o amigo Jordan Peele, que o ajudou a produzir o seu filme. 

Em entrevista após a cerimônia, Spike comentou sobre sua reação surpreendente: "Eu senti que estava sentado bem perto do campo em um jogo, e vi o árbitro fazendo uma marcação errada".

Há boatos que nos bastidores ele também chegou com uma taça de champanhe dizendo: "Essa é minha sexta taça e vocês sabem a razão"

O fato não se deve somente ao fato de que Lee estava também concorrendo na categoria e perdeu. Muitos ativistas negros americanos têm feito criticas ao Green Book, o fato só aumentou após que a família de Don Shirley, o pianista interpretado por Mahershala Ali no filme, contestar alguns fatos contados no filme. 

OUTRA POLÊMICA

Peter já foi criticado por ter usado termo racista ao invés de “afro-americano” para se referir a alguém. Isso aconteceu durante a turnê de divulgação do filme. O diretor pediu desculpas logo em seguida.

NA WEB 

Os internautas e cilefelos de plantão também cairam em cima da academia e não concordaram com o prêmio. "Infiltrado na Klan perdeu pra Green Book. Ambos os filmes falam sobre racismo. Um é dirigido por um homem negro e aborda um movimento racista que existe desde antes dos anos 70 e o outro é dirigido por brancos que não sabem que fazem parte desse movimento", disse uma pessoa.

Já outro seguidor defendeu a obra. "Green Book merecia o Oscar, não é um filme de um branco ensinando um negro o que é racismo, Isso é uma análise muito superficial no meu entendimento. Green Book é sobre troca, em como a coragem de ouvir e aceitar o do outro pode nos melhorar". 

por CARAS Digital
Atualizado segunda 25 fevereiro, 2019 (314068)

Mais conteúdo sobre:

ASSINE E GANHE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

  1. 1 Musa fitness ostentou boa forma em um visual que deixou os fãs sem fôlego Juju Salimeni exibe curvas impressionantes em maiô coladinho
  2. 2 Michel Teló leva Thais Fersoza para viagem romântica
  3. 3 Luísa Sonza exibe bumbum de perto em clique de biquíni
  4. 4 Namorado de Marília faz tatuagem em homenagem ao filho
  5. 5 Reynaldo Gianecchini mostra foto da infância e impressiona
  6. 6 A Fazenda: Mulher de Jorge detona postura do marido
  7. 7 A Fazenda: Bifão apoia Phellipe Haagensen e choca web
  8. 8 Leo Cidade se declara para Larissa Manoela com foto especial
  9. 9 Jade Picon aproveita dia de sol ao lado do namorado
  10. 10 Plano de Cássia contra pedófilo dá errado e gera confusão