Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Big Brother / COMEMOROU!

Tadeu Schmidt celebra os 50 dias de BBB 22 no ar: ''Não sabia que seria tão acolhido''

Em entrevista, Tadeu Schmidt revive os seus primeiros 50 dias de BBB e comemora

CARAS Digital Publicado em 07/03/2022, às 21h40

Tadeu Schmidt no BBB - REPRODUÇÃO/INSTAGRAM
Tadeu Schmidt no BBB - REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Hoje, dia 7 de março, o BBB 22 completa seu 50º dia no ar! O reality, enfim, chegou à metade, após ter sua data final adiada. Pela primeira vez apresentando o programa, Tadeu Schmidt(47), em entrevista ao Gshow, comemorou a marca atingida e comentou sobre sua trajetória à frente do reality até aqui.

O apresentador começou relembrando os seus primeiros dias intensos de trabalho os apredizados que pôde obter: "Me lembro dos primeiros dias, as pessoas chegando à casa, quando nem tinha Casa de Vidro ainda. E agora já entrou gente da Casa de Vidro, já saiu também... São muitos acontecimentos semana a semana, e eu adoro isso".

Tadeu também comentou que sua empolgação e felicidade permanem a mesma, desde o início: "O BBB é intenso, então parece que já passou muito mais tempo que os 50 dias, o que é curioso. Me lembro dos primeiros dias, as pessoas chegando à casa, quando nem tinha Casa de Vidro ainda. E agora já entrou gente da Casa de Vidro, já saiu também... São muitos acontecimentos semana a semana, e eu adoro isso."

Sempre presente nas redes sociais, falando sobre momentos marcantes do reality, o jornalista afirmou que a interação com os fãs tem sido mais positiva do que negativa: "Tem sido muito, muito legal! Ainda mais do que eu imaginava. Eu não sabia que seria tão acolhido e receberia tanto carinho das pessoas. [...] É uma interação que me dá forças. Eu passo o dia inteiro vendo BBB, envolvido em tantas coisas do programa, e de repente chega uma mensagem especial de um seguidor... É demais!"

Falando um pouco sobre o momento atual da edição, o apresentador frisou o possível futuro esfacelamento dos grupos da casa: "Eu vejo os participantes falando sobre o jogo, pensando em estratégias, e está muito legal de acompanhar. Sinto como se houvesse uma tensão crescente na casa e não vejo possibilidade de ela diminuir. Há grupos muito bem definidos, com uma pessoa ou outra circulando entre eles. Mas, em algum momento, algum desses grupos pode se esfacelar e as pessoas vão ter que se reposicionar. Isso vai ser muito curioso porque eu não imagino o que pode acontecer..."

As narrações de provas

Segundo Tadeu, são as narrações que fazem ele reviver os momentos de jornalista esportivo, levando o espírito da competição para dentro da casa mais vigiada do Brasil: "Adoro essa parte porque são narrações de provas que a gente não está acostumado a assistir, que não são comuns. Nem o Everaldo Marques, que acumula narrações de diferentes modalidades esportivas, nunca narrou, por exemplo, a montagem de sanduíche, como eu narrei (risos)", brincou ele, citando o narrador da TV Globo.

Discursos de eliminação

Tadeu contou ainda sobre o processo de criação dos discursos de eliminação, afirmando que tenta falar direto com o eliminado, mas também se comunicar com todos os emparedados e mantendo o suspense: "Uma coisa de que eu faço questão, e acho que tenho conseguido até agora, é manter o suspense até o final. Como espectador eu gosto disso, então, como apresentador, quero fazer também. [...] O público, muitas vezes, já suspeita mais quem é o eliminado, mas mesmo assim eu gosto de deixar público e participantes com o suspense até o fim."

Quem você quer que saia no 7° paredão do BBB 22?

  • Arthur Aguiar
  • Jade Picon
  • Jessilane Alves