Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Lindsay Lohan se defende de acusação por agressão

Seis meses depois de ser processada por uma ex-funcionária da clínica de reabilitação onde se internou em 2010, Lindsay Lohan se defende dizendo que saiu no tapa por auto-defesa

Redação Publicado em 30/01/2012, às 03h36 - Atualizado em 08/08/2019, às 15h43

Lindsay Lohan - Getty Images
Lindsay Lohan - Getty Images

Demorou algum tempo, mas Lindsay Lohan (25) finalmente respondeu à alegação de uma ex-funcionária do centro de reabilitação Betty Ford, por onde passou durante momentos de crise, que afirma ter sido agredida pela estrela. E claro, Lilo revidou dizendo que a culpa não foi dela.

A ex-funcionária Dawn Bradley conheceu a atriz em dezembro de 2010, quando ela ainda estava na reabilitação e após o incidente em que as duas saíram no tapa dentro da clínica. Em julho de 2011, seis meses após o episódio, Bradley entrou com uma ação contra Lilo alegando agressão.

Pois só mais seis meses depois, no dia 10 de janeiro, os advogados de Lindsay apresentaram sua resposta sob o caso, alegando que o incidente foi provocado por Bradley e, por isso, a atriz não deveria pagar nenhum centavo requerido. Lilo afirma que qualquer coisa que ela possa ter feito foi em auto-defesa.

E como se não bastasse, a rica atriz quer que o tribunal obrigue Bradley a pagar todos os seus custos com este processo.