Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
TV / Bastidores

Eliana fala sobre briga pela audiência na TV: 'Nunca acho que o jogo está ganho'

Eliana conta sobre posição do seu programa no SBT na audiência do domingo e fala sobre a preocupação com o sucesso da atração

CARAS Digital Publicado em 14/06/2022, às 18h12

Eliana - Foto: Reprodução / Instagram
Eliana - Foto: Reprodução / Instagram

A apresentadora Eliana (48) abriu o coração ao comentar sobre a disputa pela audiência nas tardes de domingo na TV brasileira. Ela comanda um programa com seu nome no SBT e confessou que sempre fica apreensiva com o resultado da atração.

“Tenho certa preocupação e respeito com o público com quem eu falo e me comunico. É curioso as pessoas acharem que eu sou 'de boa'. Eu fico nervosa, ansiosa, realmente na expectativa do que será, do que vem. Nunca acho que o jogo está ganho”, disse ela no podcast O Pod É Nosso.

Além disso, ela comentou sobre o bom desempenho do Programa Eliana nos índices de audiência. “Nos domingos, a gente é vice-líder há muitos anos, mas nunca acho que o jogo está ganho. Cada domingo é um domingo. Acho que essa é a magia”, afirmou.

Eliana desabafa sobre o etarismo

Recentemente, Eliana decidiu gravar um vídeo e fazer um textinho para conscientizar as pessoas sobre o ‘etarismo’, ou seja, a discriminação baseada na idade.

Pra quem ainda não conhece, ‘etarismo’ é quando uma pessoa julga, zomba ou duvida da capacidade de outra simplesmente por conta da sua idade”, começou na legenda. “Esse tipo de preconceito muitas vezes é tolerado no dia a dia devido à falta de informação que as pessoas possuem sobre ele. É claro que, ao longo do tempo, é comum surgirem dificuldades na vida. Mas toda pessoa tem o direito de envelhecer sem precisar ouvir comentários maldosos! Ficar mais velha significa se tornar mais madura, sábia e segura. E isso é lindo!”, afirmou ela. 

“Então… Vamos focar nos discursos que elevam a autoestima? Lembrando que todo mundo vai envelhecer um dia. Quem não envelhece morre cedo. Viva a vida!”, aconselhou ao final.