Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
TV / BBB

Coluna da Talula: Falta união às mulheres do BBB

Ex-BBB Talula Pascoli estreia coluna na CARAS Online; semanalmente, ela irá analisar o programa e comentar as diferenças da edição atual para a que participou

Redação Publicado em 16/01/2012, às 10h51 - Atualizado em 08/08/2019, às 15h43

Analice e Jakeline - TV Globo / Frederico Rozário; TV Globo / Divulgação
Analice e Jakeline - TV Globo / Frederico Rozário; TV Globo / Divulgação

Começou o BBB 12 e, semanalmente, estaremos juntos aqui na Coluna da Talula na CARAS Online falando um pouco sobre a minha impressão do jogo, dos jogadores e minhas experiências dentro da casa mais vigiada do Brasil.

Como de costume, na primeira semana tudo é uma grande festa! A grande surpresa foram os 4 novos participantes escolhidos na plateia, sem tanta empolgação para quem estava assistindo e confuso por ter sido tudo muito rápido. Logo de cara, os brothers pegaram uma prova de resistência! Esse tipo de prova requer do jogador 2 aspectos, o físico e psicológico! Lembro da minha prova do frango, que foram 10 horas, e, realmente, não é fácil, tem que ter equilíbrio e determinação. A Kelly mostrou isso e ganhou o carro e a imunidade depois de 30 horas de prova, mas como nada no BBB é tão fácil assim, sempre existe o bônus e o ônus: sobrou para a própria Kelly tirar 5 jogadores da primeira prova do líder, nova regra do programa, O Poder do NÃO.

Naquele momento, a pergunta era uma só: será que valeu a pena ganhar imunidade e o carro e saber que você será alvo certo daqui a 2 semanas de 5 pessoas na casa? Ok, os participantes foram pegos de surpresa com essa nova regra, mas daqui para frente como irão se comportar? Irão se arriscar ou ficarão com medo? Acho que esse poder será muito interessante, principalmente para movimentar a casa e para que aquilo não se torne uma colônia de férias! Podemos esperar grandes brigas e decisões em quem votar depois do Poder do NÃO.

Outra questão que me parece nítida nesse BBB 12 e ao contrário do BBB 11 é a falta de união entre as mulheres. A vaidade entre elas parece ser maior do que o jogo, ao contrário dos homens, que devem se defender até o final, pois formar alianças no BBB é muito importante, você se defende e defende os seus aliados, mas tem que ser inteligente para formar e manter essa aliança tempo suficiente no jogo.

Nesse momento, liderança e anjo são mais para cumprir as obrigações do que definir jogadas e foi o que fizeram o líder, o anjo e mais os votos da casa formando assim o primeiro paredão do BBB12.

O líder João Carvalho, que ganhou a primeira liderança do programa, até domingo tinha dado pouquíssimas pistas de em quem iria votar, mas acabou decidindo por Analice. O anjo João Mauricio, em um dos seus discursos intermináveis, deu a entender que poderia abençoar seu “amigo” Fael ou Jack, mas acabou abençoando Fael. Por votação da casa, a escolhida foi Jakeline, aliás, para a baiana essa votação será determinante em relação a seu futuro no jogo. Se Jack voltar, ela poderá ser a nova queridinha do Brasil; se ela sair, mostrará que o público ainda aceita jogadores.

Agora é Analice x Jakeline... Quem deve ser a primeira eliminada? O que nos resta é esperar a decisão do público e continuar espiando...