Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
TV / Bastidores

Celso Portiolli faz planos para tirar um ano sabático

Celso Portiolli tem plano de se afastar da TV pelo período de um ano, informou o colunista Leo Dias

CARAS Digital Publicado em 02/08/2022, às 20h07

Celso Portiolli - Foto: Eduardo Martins / Agnews
Celso Portiolli - Foto: Eduardo Martins / Agnews

O apresentador Celso Portiolli (55) pode ficar longe da televisão por um ano. De acordo com o colunista Leo Dias, do site Metrópoles, o comunicador faz planos de se afastar do trabalho para ter um ano sabático e conseguir curtir a família e estudar.

O colunista revelou que o plano de Portiolli é se afastar em 2026. Inclusive, o assunto começou a circular quando o apresentador falou do seu desejo em uma conversa no podcast de Carlos Alberto de Nóbrega.

“Tinha muita vontade de morar fora um tempo, parar um ano, um ano sabático, mas não para ficar à toa. Eu queria estudar, estudar algum idioma, um italiano ou aperfeiçoar meu inglês”, disse ele na conversa.

Atualmente, Celso Portiolli comanda o programa Domingo Legal, no SBT.

Em 2021, Celso Portiolli foi diagnosticado com câncer na bexiga

Em dezembro de 2021, o apresentador Celso Portiolli pegou os fãs de surpresa ao revelar que foi diagnosticado com câncer na bexiga. Ele fez um procedimento para retirar o pólipo e fez o tratamento de imunoterapia

Na época, ele contou: "Em dezembro fiz um procedimento endoscópico para a retirada de um pólipo da bexiga, único e pequeno. Vou fazer um tratamento, imunoterapia chamada BGC. Chance de cura próxima de 100% e durante meu tratamento, vida absolutamente normal, fazendo o que sempre fiz". 

No início de 2022, ele voltou a falar sobre a sua saúde. "Ano passado tive aquele câncer pequenininho na bexiga, foi retirado. Se você pesquisar sobre o câncer na bexiga, 70% dos casos acontecem em fumantes. Eu não fumo, estou nos 30%. Então, se você fuma, se cuide. Pare de fumar. Não vai na onda, fumando e achando que não faz mal, porque o organismo cobra a fatura", acrescentou, relembrando que seu pai faleceu por conta do vício.