Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Cinema / EITA

Jornal diz que Sandra Bullock está arrasada ao descobrir que ganhou Oscar por história falsa

Sandra Bullock venceu prêmio de Melhor Atriz por 'Um Sonho Possível'; atleta no qual trama foi baseada disse que trama não procede

Sandra Bullock - Foto: Getty Images
Sandra Bullock - Foto: Getty Images

Segundo o jornal The Daily Mail, Sandra Bullock, ficou com o "coração partido" ao saber que o Oscar de Melhor Atriz que recebeu pelo filme Um Sonho Possível, em 2009, pode ter sido baseado em uma história falsa. 

O longa contava como Michael Oher, um garoto negro que vivia nas ruas, foi adotado por um casal rico branco, que o impulsionou a estudar e se dedicar ao esporte, levando o jovem à NFL, a liga de futebol americano nos Estados Unidos.

Só que Oher entrou na segunda-feira, 14, na Justiça, afirmando que nunca foi adotado oficialmente e que seus "pais", Sean e Leigh Anne Tuhoy, o fizeram assinar um documento que fazia deles seus tutores, usando seu nome para lucrar com o rapaz. 

O ex-jogador de futebol americano já tinha detalhado sua versão na biografia When Your Back's Against The Wall (Quando Suas Costas Ficam Contra a Parede), dizendo que ficou sem receber milhões de dólares que seriam seus por direito e que uma boa parte do que foi contado no filme não é verdade.

"Sandra odeia que uma história tão maravilhosa, um filme espetacular e um momento espetacular em sua vida agora tenham sido contaminados. Agora as pessoas não vão assistir e, se o fizerem, terão uma reação completamente diferente à sua intenção original", disse uma pessoa próxima à atriz ao The Daily Mail.

"Houve tanto trabalho duro colocado no filme que todos pensaram que era a verdade e agora que foi questionado, apenas perturba Sandra sem fim que um momento em sua vida que foi tão especial, agora tem uma perspectiva completamente diferente", continuou a fonte.

Internautas começaram a sugerir que a atriz devolvesse o Oscar, mas ela foi defendida inclusive pelo ator que viveu o ex-atleta no longa, Quinton Aaron. "Sandra não tem nada a ver com a história real que estamos vendo que é certa agora", afirmou o ator.

Agosto não tem sido fácil para a atriz, que está vivendo o luto pela morte do namorado de longa data, Bryan Randall, que tinha 57 anos e tinha sido diagnosticado com ELA (esclerose lateral amiotrófica). 

"Sandra está mostrando um rosto forte e uma fachada forte, já que tem sido um período difícil para ela emocionalmente com a perda de Bryan, e agora ela está com o coração partido de uma maneira diferente com todas as consequências das notícias de Michael Oher", disse a fonte.

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!