Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARAS
Big Brother / Emocionante!

Com texto emocionante, Hana revela torcida para Alan e internautas ficam em êxtase

Ex-BBB citou alguns motivos que fariam com que ele vencesse a 19ª edição do reality

CARAS Digital Publicado em 12/04/2019, às 16h46 - Atualizado às 16h48

Youtuber revelou que está na torcida pelo companheiro - Divulgação/TV Globo
Youtuber revelou que está na torcida pelo companheiro - Divulgação/TV Globo

Está chegando ao fim mais uma edição do Big Brother Brasil! Alan e Paula estão disputando o prêmio final de R$1,5 milhão. Nas redes sociais, os ex-confinados já começaram a desejar boa sorte para os amigos e direcionar suas respectivas torcidas.

Na tarde desta sexta-feira, 12, um dos momentos mais esperados pelos telespectadores aconteceu! Hana usou seu perfil oficial para se pronunciar sobre a final. A garota, que foi a terceira eliminada do reality, viveu um affaire com o finalista, porém, ao deixar o programa, seu nome ficou ligado a diversas polêmicas, justamente por rumores sobre um romance entre o catarinense e Carolina.

Por mais que o modelo e Peixinho não tivessem oficializado o que os boatos indicavam, a paulista ficou um tanto quanto sentida com a situação e até disse que o sentimento que criou pelo jovem, durante o jogo, estaria, aos poucos, acabando.

Contrariando as expectativas, a youtuber publicou uma sequência de imagens dos dois, uma inclusive durante um instante de afeto, para desejar boa sorte e deixar sua torcida por ele. No começo da postagem, ela comentou sobre as dificuldades de um confinamento e reforçou a importância da presença de Alan naquele momento.

“Independente de qualquer decepção, falhas de comunicação e a falta um do outro que o tempo cobrou, Alan foi meu melhor amigo, meu porto seguro, meu confidente e nossa parceria foi indiscutível e inesquecível na casa e fora, nas três semanas que passamos juntos", começou dizendo ela.

Dando a entender que não existe confirmação sobre eles darem continuidade, ou não, com o relacionamento que começaram a desenhar na casa mais vigiada do Brasil, ela disse que criou um grande sentimento por ele e mostrou o quanto está disposta a fazer com que ele saia vencedor, justamente por contrariar algumas atitudes da participante que disputa com ele.

“Você merece o prêmio por ser um menino especial que reconhece seus privilégios, escuta e espalha boas energias aonde passa. Ele representa um grupo que foi formado tendo como base ideologia. Alan precisa ganhar do racismo”, finalizou a jovem.

Veja a declaração na integra:

Embora fosse um jogo, aquilo ali sempre foi vida real na minha ótica. Eu nunca estive disposta a cumprir as expectativas de todos os públicos -impossível agradar a maioria no Brasil de bicarbonato sem se silenciar- ou sentir de brincadeira. Você pode até achar que imagina como é um confinamento, mas a verdade é que até você estar em um, não faz a menor ideia. Passa longe de tudo que já experimentei. Fui eliminada com três semanas de programa que mais pareciam meses eternos. Você experimenta todas as sensações possíveis em um único dia. Não imaginei que fosse durar muito tempo ali num país que tem medo de mulheres assertivas e sem medo. Mas também não achava que ia encontrar ali, na primeira semana e no auge da intensidade que esse jogo me fez refém, alguém que dropou firme minha onda. Independente de qualquer decepção, falhas de comunicação e a falta um do outro que o tempo cobrou, Alan foi meu melhor amigo, meu porto seguro, meu confidente e nossa parceria foi indiscutível e inesquecível na casa e fora, nas três semanas que passamos juntos. Essa foto da gente se lambendo não ilustra um relacionamento, pra mim. Ilustra a frequência de alto astral que passamos como confidentes na época mais pura do big 19: o início, e ÓBVIO que não era por que eu estava, mas sim por que não tinha virado uma panela de pressão ainda pros meus amigos. Problemas que foram gerados não dizem respeito à nossa amizade; nesse ponto, eu não posso esquecer como senti sua falta, de como torci e dei duro em seus paredões pra te manter na casa, quanto falei de você em cada boteco dessa cidade, e o amor que senti em cada momento da nossa parceria e conexão dentro do big. E nossa amizade não vai morrer agora.

Você merece o prêmio por ser um menino especial que reconhece seus privilégios, escuta e espalha boas energias onde passa. Eu não joguei por isso eu saí. E assim vivi momentos incrivelmente espontâneos que jamais serei capaz de esquecer. Ele representa um grupo que foi formado tendo como base ideologia. Tudo que eu falo incomodou vocês esses três meses, então aqui vai mais uma pra coleção dos haters: Alan precisa ganhar do racismo. Votem no gshow! Vai que é tua.