Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Relatório aponta Halle Berry como ganhadora do processo de custódia da pequena Nahla

Psicólogo responsável pela avaliação do processo de custódia afirma em relatório que Halle Berry é a pessoa mais indicada para ficar com a guarda da filha, Nahla. O juiz irá encerrar o caso no fim de junho

Redação Publicado em 10/06/2012, às 20h40 - Atualizado às 21h47

Halle Berry - The Grosby Group
Halle Berry - The Grosby Group

A briga judicial entre Halle Berry (45) e Gabriel Aubry (36) pela custódia da filha, Nahla (4), está prestas a chegar ao fim. De acordo com o site TMZ, o psicólogo avaliador de custódia, após longas entrevistas com os três envolvidos, declarou no relatório que a atriz de Hollywood é a mais indicada a ficar com a guarda da menina.

O documento levanta questões sobre a capacidade de Gabriel para cuidar de Nahla, em parte devido aos problemas sociais. O documento não tem como objetivo questionar o amor que o modelo tem por sua filha e nem o sentimento dela para com o pai, e sim falar da aptidão de assumir a responsabilidade pela guarda e pelos cuidados da criança.

Caso vença o processo, nada mais impede que Halle execute seu plano de se mudar com Nahla para Paris, algo ao qual Gabriel se opõe fortemente. Pela lei da Califórnia, Estados Unidos, o juiz não pode impedir que a atriz e a filha passem a morar na capital francesa, ele deve apenas aceitar essa mudança.

O meritíssimo também irá decidir se o melhor para Nahla é estar com Halle o tempo inteiro ou ter a presença constante de Gabriel. Dadas as conclusões do relatório de avaliação de custódia, está nítido que o advogado dará a guarda da menina para a atriz, o que dá à artista uma enorme vantagem a favor de sua ida definitiva à Paris.

Se Halle e Nahla se mudarem para a França, onde reside o noivo da atriz, Olivier Martinez (46), é quase certo que Gabriel deve receber os direitos de visitar.