Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARAS

Filme inspirou Jolie a adotar filho

Atriz Angelina Jolie revelou que filme ‘Lara Croft: Tomb Raider’, no qual interpretou uma arqueóloga aventureira, abriu sua mente para adotar seu primeiro filho, Maddox, e ajudou-a a 'largar as festas’

Redação Publicado em 22/08/2011, às 10h03 - Atualizado em 08/08/2019, às 15h43

Angelina Jolie - Getty Images
Angelina Jolie - Getty Images

Angelina Jolie (36) declarou que uma de suas personagens a convenceu de adotar seu primeiro filho, Maddox (10), nascido no Camboja. "Um momento chave da minha vida foi quando eu fiz Lara Croft: Tomb Raider, na Inglaterra. Parte da filmagem foi no Camboja e aprendi que o mundo é maior do que eu pensava e que havia coisas mais importantes do que um filme. Eu não sabia muito sobre o Camboja. Eu não apreciava como era lindo e eu nunca tinha encontrado pessoas de coração tão aberto”, confessou a amada de Brad Pitt (47).

A musa, que acabou adotando mais duas crianças, Pax (7), do Vietnã, e Zahara (6), da Etiópia, também afirmou acreditar que o filme ajudou-a a virar as costas para seu comportamento festeiro e viver uma vida mais saudável. "Esse trabalho também me ajudou a entrar em forma. Eu fumava muito, bebia demais, tomava muito café e sofria de insônia. Os treinadores de minha personagem Lara Croft ajustaram minhas proteínas e vitaminas, e meus cigarros foram proibidos. Também não estava autorizada a beber álcool. Eu tinha fogo demais para a vida cotidiana do papel, então tive que me encaixar no perfil dela", disse.

Embora Angelina ter tido que passar pela rígida dieta e lutar contra robôs nos filme de aventura, ela destacou que ser mãe de seis filhos é mais difícil do que viver uma heroína em Hollywood. "Depois que me tornei mãe, eu percebi que era muito mais difícil do que ser Lara Croft. Quero que meus filhos apreciem o quão afortunados são na vida, em comparação com tantas pessoas que não têm nada”, concluiu a “estrela”, que também tem os filhos Shiloh (5), Vivienne e Knox, estes dois últimos gêmeos de três anos.