Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Fê Paes Leme e a paixão pelo vôlei

Fernanda Paes Leme já jogou vôlei com bastante afinco e chegou a participar de campeonatos. E essa paixão, levou-a a narrar jogos do Mundial Masculino ao lado de Tande

Redação Publicado em 04/10/2010, às 17h01 - Atualizado às 19h34

Tande e Fernanda Paes Leme - Reprodução/Twitter
Tande e Fernanda Paes Leme - Reprodução/Twitter
Se Fernanda Paes Leme fosse um tantinho mais alta (cerca de 20 centímetros além de seus 1,62 m), os telespectadores perderiam a oportunidade de ver trabalhos dignos de uma grande atriz. Mas, talvez, a veríamos representando o Brasil nas quadras de vôlei. Afinal, a bela foi jogadora da modalidade e já confessou, através do Twitter, sua paixão pelo esporte. "Por mais absurdo que seja EU já joguei vôlei!! Fui federada pelo clube Banespa, pré-mirim, mirim e infantil. [Nessa época], eu já tinha quase 1,60!!", afirmou a atriz que parece ter desistido por razões alheias as suas vontades. "Nessa época de 'jogadora' eu tinha 1,56 com 13, 14 anos. Hoje tenho apenas 1,62! #PODERIR". A história da menina com o esporte envolve uma questão familiar, já que o paizão Álvaro José Paes Leme é narrador e comentarista esportivo e sonhava com uma carreira de atleta para a filha. "O sonho do meu pai era que eu fosse a levantadora Fernanda Venturini (...)", tuitou a atriz, que logo obteve a resposta de seu pai: "É verdade. E a Fernanda Venturini sabe disso (risos)". O fato é que o amor pelo esporte a levou ao programa Corujão do Esporte. Na transmissão exibida pela Rede Globo, o jogador Tande recebe atores que têm alguma conexão com o vôlei para que o acompanhe na narração e comentários dos jogos do mundial masculino, que acontece na Itália até o dia 10 de outubro. Fernando brincou ao legendar a foto no microblog: "O Tande é alto ou eu que sou baixinha?".