Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Conrad Murray, médico condenado pela morte de Michael Jackson, recorre da sentença

Os advogados do médico Conrad Murray entraram com recurso na Justiça de Los Angeles contra a condenação de quatro anos pela morte do cantor Michael Jackson

Redação Publicado em 03/12/2011, às 11h48 - Atualizado em 08/08/2019, às 15h43

Dr. Conrad Murray - Getty Images
Dr. Conrad Murray - Getty Images

O médico Conrad Murray (58), condenado pela morte de Michael Jackson (1958-2009), entrou com um pedido de recurso da sentença de quatro anos.

Os advogados de Murray apresentaram os documentos à Justiça de Los Angeles na sexta-feira, 2. Ele foi condenado por homicídio culposo (sem intenção de matar) e recebeu a sentença na última terça, após admitir que deu anestésicos ao cantor, para ajudá-lo a dormir.

Michael Jackson morreu em 25 junho de 2009, vítima de overdose de medicamentos.