Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
A Fazenda / Bastidores

Bia Miranda rompe o silêncio sobre crise da mãe, Jenny: ‘Não acredito mais’

Bia Miranda surpreendeu com comentário sobre o motivo para não ter ficado desesperado com vídeos de Jenny Miranda chorando e no hospital

por Priscilla Comoti

pcomoti_colab@caras.com.br

Publicado em 06/12/2023, às 13h57

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Bia Miranda - Foto: Reprodução / Instagram
Bia Miranda - Foto: Reprodução / Instagram

A influenciadora digital Bia Miranda falou pela primeira vez sobre a crise de sua mãe, Jenny Miranda, nesta semana. Jenny apareceu chorando muito e fazendo um desabafo forte sobre a fase atual de sua vida nos stories do Instagram antes de aparecer em um hospital. Então, os fãs cobraram um posicionamento de Bia sobre o que aconteceu com sua mãe e ela contou que não foi a primeira vez que Jenny teve uma crise assim e disse que não fica mais abalada.

"Eu não falei nada, não me pronunciei sobre o ocorrido que acredito que todos já saibam, né? Por causa da proporção que tomou… Vocês sabem que eu sou nova, tenho 20 anos, mas desde os meus 7 anos eu passo por isso. Eu acho que uma mãe e pai que está me assistindo agora e tem um filho de 7 anos, ele deve estar aprendendo a ler, escrever, brincar, e eu não. Nessa idade eu estava presenciando um momento desse. Se vocês fizerem as contas, eu tenho 20, comecei com 7, são 13 anos aí. Eu já perdi as contas de quantas vezes eu já presenciei, de quantas vezes eu já fiquei desesperada. Mas se vocês querem números, já foram 150, 200, vezes, dos meus 7 até agora”, disse ela.

E completou: “Nada mais é do que tudo que eu já passei, vivi e vi. Hoje eu estou aqui com a minha família, com pessoas que me amam, com meus cachorrinhos. Vim aqui sem guerra nenhuma. Só vim dar uma explicação mesmo, porque eu sou pública. Então é uma satisfação para quem gosta da gente e até para quem não gosta da gente. Ontem mesmo o Rafa estava em Fortaleza, pronto para fazer o show e ele ficou desesperado me mandando vídeo, me ligando, e quem teve que acalmar ele foi eu. Era para ser o contrário, né? Eu já sabia onde isso ia acabar, onde isso ia parar. É tão estranho acalmar uma pessoa e era para eu estar desesperada, era para a pessoa estar me acalmando. Como eu falei, eu já estou tão acostumada com isso que eu perdi as contas de quantas vezes já aconteceu”.

Então, ela alfinetou o comportamento da mãe. "E a história é a mesma, eu até falei para o Rafael: Vai ser na cama, depois na sacada, vai sair na internet e depois vai aparecer no hospital. E o que aconteceu? Apareceu no hospital. E aconteceu do mesmo jeito, ela conseguia o que queria e não acontecia nada. E se acaso algum dia acontecer, é aquela história do mentiroso. O mentiroso conta a mentira 10 vezes, chega na 11ª e ninguém acredita. Como eu passei 201 vezes, agora, eu já não acredito mais e para vocês também vai passar. Pode ser que aconteça uma fatalidade e ninguém acreditou. Não tem isso de assassina, de pessoa ruim. Eu prefiro agora deixar a minha saúde mental, que eu já não tenho muito por conta disso. Eu já presenciei muita coisa que criança não tem que presenciar. Não irei mais falar desse assunto”, finalizou.

O que a Jenny Miranda disse em seu desabafo?

Em vídeos nos stories do Instagram, Jenny Miranda preocupou os fãs ao dar indícios de que está com a saúde mental abalada.

"Gente, foi muita humilhação o que passei até agora. Já passei por muita humilhação, humilhação por ex, pós-Fazenda... eu tô muito cansada. Acabou tudo pra mim, não tenho motivo mais pra estar aqui. Acabou carreira, acabou marido, acabou filhos. Pensem o que vocês quiserem, mas já estou deixando tudo resolvido pro meu filho ficar com a avó. Acredito que ele vai crescer muito melhor sem mim. Eu amo muito meu filho e eu não quero que ele cresça com tudo isso em cima de mim. Os amiguinhos dele dizendo que a mãe dele é uma vergonha. Eu não sou tão ruim assim. Não sou essa pessoa ruim que estão pintando", disse ela. 

Então, ela apareceu em frente a uma varanda do apartamento e disse: "Aqui eu me despeço de vocês. Pra quem gostava de mim, pra quem não gostava, que me desejava isso [a morte] e que muitas vezes que aconteceu algo de ruim comigo, tinham desejado minha morte, tinham desejado minha desgraça, parabéns, vocês vão conseguir o que vocês queriam. Eu não quero mais, eu to cansada, tô muito cansada. Espero que vocês acolham meu filho se um dia ele precisar de acolhimento do público. Porque ele é um bebê ainda, ainda dá tempo dele me esquecer". 

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!