Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
TV / NOVO MOMENTO

Eriberto Leão mira nova carreira após deixar a Globo: 'Nada é estável'

Em entrevista à Revista CARAS, Eriberto Leão abriu o jogo sobre os rumos da carreira após finalizar contrato com TV Globo

por Surenã Dias

sdias_colab@caras.com.br

Publicado em 15/08/2023, às 18h07

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Ator Eriberto Leão tem se planejado para lançar seu primeiro álbum de música - FOTO: MARCIO FARIAS
Ator Eriberto Leão tem se planejado para lançar seu primeiro álbum de música - FOTO: MARCIO FARIAS

Fora da TV Globo desde 2022, o ator Eriberto Leão (51) já tem planos para a sua carreira. Em entrevista à revista CARAS, o artista revelou que logo os fãs devem ter novidades quanto a seu primeiro álbum. 

“Acho que não é sobre se reinventar, e sim continuar a jornada, com vários ciclos, estágios e etapas", contou Eriberto, que, assim como outros colegas, não renovou seu contrato com a platinada.  

Quanto a seu projeto na música, Eriberto contou que investirá em uma sonoridade bem brasileira, mas com uma pegada rock’n’roll. Segundo o artista, tem sido importante para ele estar em contato com seus desejos mais íntimos. 

"Meu primeiro disco vem aí, com uma pegada rock’n’roll, claro, mas será ligado ao sertão. O sertão que nos habita e o interior do País. Minha carreira musical alimenta a minha alma, me faz estar em conexão com meus propósitos mais verdadeiros. A música é capaz de salvar a humanidade, como disse Tom Jobim", declarou. 

Leia também: Rafael Vitti reencontra parte do elenco de 'Malhação Sonhos': ''8 anos depois...''

Depois de estrelar sucessos da TV Globo como Sinhá Moça, Duas Caras, A Vida da Gente e Amor à Vida, o ator garante que não tem sofrido com sua saída da emissora. Ele contou que sua decisão faz parte de um processo natural. "Acho que não é sobre se reinventar, e sim continuar a jornada, com vários ciclos, estágios e etapas", disse.

"Eu fiquei 20 anos na Globo, sou muito grato, aprendi muito, fui muito feliz, fiz personagens em novelas de muito sucesso, o público brasileiro me conhece e é muito bom quando nos unimos por meio do teatro, da música e de outras artes. É um processo de evolução natural. Nada é estável, tudo se transforma o tempo inteiro. E a gente se transforma junto", finalizou.