Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Realeza / FAMÍLIA REAL

Quem foi o primeiro amor da rainha Camilla? Antes de morrer, homem relatou romance

Kevin Burke revelou detalhes de romance com rainha Camilla em biografia famosa no Reino Unido

por Surenã Dias

sdias_colab@caras.com.br

Publicado em 22/08/2023, às 21h10

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Homem viveu breve romance com Camilla durante a juventude - Foto: Getty Images
Homem viveu breve romance com Camilla durante a juventude - Foto: Getty Images

Recém coroada rainha consorte da Inglaterra, Camilla Parker Bowles (75) virou destaque na mídia internacional após o falecimento de um amor antigo. Se trata de Kevin Burke, o primeiro namoradinho da esposa do Rei Charles III (74). 

Conforme informações do jornal britânico Daily Mail, Kevin faleceu no início de agosto, aos 77 anos. Ele, que viveu um breve romance com a rainha durante a juventude, terá o funeral realizado em setembro. Camila e Kevin se conhecerem na festa de 15 anos de integrante da realeza, em 1965, no bairro de Knightsbridge.

Vale destacar que a história romântica entre os dois foi revelada publicamente na biografia escrita por Jessica Jayne: A Duquesa da Cornualha, Sua História e Segredos (2012). Na época, ele descreveu a rainha como uma garota sexy e popular. 

"Tive a melhor e mais divertida parceira que você poderia desejar. Camilla era imensamente popular e, embora não fosse uma beldade, era atraente e sexy. Fiquei com Camilla todo aquele ano. Suponho que estávamos apaixonados e, então, ela me abandonou. Por quê? Bem, a resposta curta é que ela estava se divertindo em Londres", relatou. 

Leia também: Por que Camila Parker Bowles será rainha consorte? Entenda

Apesar do romance marcante, Camila acabou não seguindo com Kevin e se casando com o ex-oficial do exército Andrew Parker Bowles, em 1973. O relacionamento foi responsável por dar dois filhos ao casal, Tom e Laura. Depois de enfrentar anos de especulações envolvendo o relacionamento extraconjugal com Charles III, o casal decidiu se divorciar em 1995. 

ATITUDE COM RAINHA CAMILA GEROU BURBURINHO  

No último mês, a Rainha Camilla marcou presença no torneio de tênis Wimbledon. Porém, muitos espectadores ficaram curiosos ao perceberam que os atletas do evento não se curvaram para a esposa do Rei Charles III.

De fato, sempre que algum membro da Família Real estava presente na audiência do torneio, os atletas deveriam cumprimentar a realeza. Porém, essa regra mudou em 2003. A mudança foi encabeçada pelo Duque de Kent, que é presidente do clube onde Wimbledon é realizado.

A Rainha Camilla compareceu para seu primeiro dia de torneio e estava acompanhada de sua irmã Annabel Elliott e o Príncipe Albert de Mônaco. Camilla surgiu com uma peça branca com detalhes em preto.

Porém, ainda sobre a regra da presença da realeza em Wimbledon, existe uma exceção. Os atletas podem se curvar apenas para o Rei Charles III ou a Rainha Elizabeth II. Como mudança do protocolo ocorreu em 2003, a Rainha Elizabeth II, que faleceu em 2022, ainda era viva e era a então monarca.

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!