Saiba como escolher o profissional certo para organizar o seu casamento

O cerimonialista pode planejar toda a cerimônia e festa e acompanhar passo a passo cada etapa da organização, ou somente assessorar os noivos no grande dia
O cerimonialista pode planejar toda a cerimônia e festa e acompanhar passo a passo cada etapa da organização, ou somente assessorar os noivos no grande dia Shutter Stock


A tarefa do cerimonialista não é fácil. O profissional escolhido deve ser capaz de atender às demandas da cerimônia e da festa, além de oferecer serviços que caibam no orçamento dos noivos. Veja as dicas

O desejo de toda noiva para o seu casamento, além de estar linda, é que a festa e a cerimônia ocorram como planejado e agradem a todos os convidados. Para atingir o objetivo, o evento deve ser preparado com base em um planejamento que inclui profissionais qualificados para tornar o sonho realidade, como um cerimonialista. Esse profissional pode planejar toda a cerimônia e festa e acompanhar passo a passo cada etapa da organização, ou somente assessorar os noivos no grande dia, orientando a ordem de entrada na igreja, entre outras tarefas burocráticas, mas essenciais. Confira nossas dicas e saiba como escolher o profissional que vai ajudar a organizar todos os detalhes do seu grande dia.

 

Mais Notícias

quinta 4 outubro, 2012
quinta 4 outubro, 2012
quinta 4 outubro, 2012

Busque referências com amigos

Escolher a cerimonialista a quem será dada a missão de organizar a cerimônia e a festa perfeitas não é tarefa fácil para nenhuma noiva. Portanto, a melhor maneira de acertar é procurar indicações. “Converse com uma amiga ou alguém da família que já tenha casado e pergunte se o profissional com o qual ela trabalhou atendeu às expectativas e cumpriu o contrato”, aconselha a cerimonialista Chris Cerboni. Em todo caso, a internet pode ser a melhor ferramenta para quem está na busca por um profissional. “Uma alternativa é procurar em sites e revistas especializadas alguns nomes e verificar a credibilidade do profissional no próprio site dele”, afirma a cerimonialista.

 

Escolha o perfil mais adequado

Com a lista de opções em mãos, o cerimonialista deve ser escolhido com base em 4 critérios: organização, disponibilidade, empatia e boas referências. O profissional deve apresentar aos noivos um planejamento de como será o processo de organização do casamento e um cronograma com as datas nas quais será fechado cada serviço; além disso, não pode faltar disponibilidade da parte do cerimonialista, que deve estar disposto a agendar constante reuniões com fornecedores. E por fim, como a convivência entre noivos e o cerimonialista será bastante intensa, a afinidade deve ser igualmente forte. “O profissional deve mostrar aos noivos que a sua organização funciona. E só vai conseguir fazer isso com um bom plano”, diz Chris. “Por sua vez, o casal só deve contratar o serviço se receber boas referências do próprio profissional sobre o seu trabalho”, completa.

 

De quais serviços eu realmente preciso?

A disponibilidade dos noivos será determinante para a escolha dos serviços. A assessoria completa, por exemplo, oferece a organização de toda a festa e cerimônia, desde a escolha dos locais até a ordem de entrada dos padrinhos na igreja. “A vantagem do serviço completo é que os noivos apenas escolhem, enquanto o organizador é quem trata de questões burocráticas”, afirma Chris. Mas, se o casal tiver tempo para fazer uma longa pesquisa e descobrir fornecedores, marcar reuniões para avaliar o trabalho e ainda cuidar dos demais detalhes, o melhor é contratar a assessoria somente para o dia do casamento. “Nesse caso, a cerimonialista indica o protocolo do evento e comanda a festa e a cerimônia, já que a noiva, sua mãe e sua sogra não poderão dedicar seu tempo integralmente à tarefa”, diz.

 

Como deve ser o contrato?

Para formalizar a contratação do serviço, noivos e profissional devem redigir um documento. “O contrato deve conter todos os serviços combinados, valor e forma de pagamento, além de eventuais descontos ou cortesias”, sugere a cerimonialista. Quando a assessoria for somente para o dia do casamento, por exemplo, o contrato deve conter, principalmente, o número de reuniões estabelecido e o período de permanência da organizadora na festa. Já para a assessoria completa, a contratante deve ficar atenta à compatibilidade entre agendas. “É importante que a noiva saiba se a cerimonialista oferece um número exato de visitas ou se estará sempre disponível para quando surgir um compromisso”, diz. 

 

Posso confiar nos fornecedores?

Quanto maior for a cartela de fornecedores do cerimonialista, melhor ele atenderá o casal. Antes de fechar qualquer serviço, como bufê ou fotógrafo, é preciso estabelecer uma verba total para o casamento. “O cerimonialista tem que oferecer opções de serviços de qualidade dentro do orçamento do casal”, afirma Chris. Mesmo confiando no trabalho de organização, os noivos podem pesquisar referências sobre os fornecedores na internet ou até mesmo com quem já contratou o serviço. Tudo é válido para ter uma festa perfeita.

 

Por Juliana Cazarine

por Juliana Cazarine
Atualizado sexta 22 fevereiro, 2013 (216121) | 19/04/2019 13:55:42

Mais conteúdo sobre:

CARAS Recomenda

  1. CARAS Experience: D&D reúne arquitetos em passeio de lancha
  2. D&D premia arquitetos em São Paulo
  3. Fabrizio Fasano tira suspiros no 'Bate Bola na Cozinha'
  4. Sandra Matarazzo e sua paixão no Bate Bola na Cozinha

Receba em Casa

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

  1. 1 Gracyanne Barbosa passa perrengue e acaba sem blusa no carro
  2. 2 Neymar Jr. baba pela família nas redes sociais
  3. 3 Fernando Zor abre o coração e manda recado para Maiara
  4. 4 Bebê na área? Lore Improta deixa os fãs desesperados
  5. 5 Após polêmica, Instagram reativa conta de Cristiano Araújo
  6. 6 Brasileiros são apostas para as finais da Champions League
  7. 7 Saiba qual a decisão da justiça após polêmica no BBB19
  8. 8 Luan Santana exibe músculos e web zoa: ''Pode soltar o ar''
  9. 9 Helô Pinheiro choca a todos ao revelar segredo de Ticiane
  10. 10 Xuxa contrata segurança para ex-paquita, após agressão