MET Gala 2021: evento celebra mentes criativas e a independência americana com muita transparência

MET Gala 2021 deixa excentricidade de lado mas é marcado pelo básico, transparência e exuberância

André Luiz Freitas Publicado terça 14 setembro, 2021

MET Gala 2021 deixa excentricidade de lado mas é marcado pelo básico, transparência e exuberância
MET Gala traz 'Independência Americana' como tema para evento de 2021 - Foto/Getty Images

Apesar de ser conhecido pela excentricidade luxuosa, o MET Gala 2021 foi marcado pelo básico. Branco, vermelho, prata e azul dominaram a escadaria florida do Metropolitan Museum of Art em um evento comandado por Anna Wintour (71) e pelos maiores nomes do mundo da moda.

O evento deste ano abordou a independência americana. A exposição será dividida em duas partes: "Na América: Um Léxico da Moda" e "Na América: Uma Antologia da Moda", que estreará no dia 5 de maio de 2022, mês oficial do evento.

Neste ano, o ator Timothée Chalamet (25), a cantora Billie Eilish (19), a tenista Naomi Osaka (23) e a poetisa Amanda Gorman (23) são os co-anfitriões. Já o after party da noite foi comandado pela cantora Rihanna (33).

O red carpet, considerado por muitos como o maior ato do mundo da moda, recebeu a brasileira Anitta (28), o cantor Justin Bieber (27) com a esposa, Hailey Baldwin-Bieber (24), a modelo Kendall Jenner (25), o rapper Lil Nas X (22), a atriz Megan Fox (35), o piloto Lewis Hamilton (36) e muitos outros.

Anitta faz sua estreia do MET Gala e rouba olhares com vestido preto assinado por Alexandre Birman:

A beleza, estilo e sensualidade de Anitta deu seu nome no red carpet. Depois de marcar presença no VMA 2021, a estrela brasileira apostou em uma sandália exclusiva criada por Alexandre Birman (45), diamantes exuberantes e um vestido preto com fenda até o limite assinado por Peter Dundas (52).

Anitta rouba olhares em after party comandada por Rihanna:

Para a festa, a brasileira brilhou com um casaco com franjas de cristais do estilista Romeo Hunte e foi usada por Selena Gomez (29) em um ensaio de moda. Para os pés, uma sandália de salto alto com tiras de cristais parte da nova linha The Gala Collection, criada especialmente para celebrar o MET Gala, da etiqueta brasileira Alexandre Birman.

MET Gala 2021 é marcado pela simplicidade mas conquista o mundo pela leveza e elegância:

Billie Eilish roubou a cena no evento ao aparecer com um vestido bolo de noiva com tonalidades claras. O estilo é bem diferente do que ela costuma ostentar em seu dia a dia e foi assinado por Oscar de la Renta (82).

Para o red carpet, Rihanna apostou no preto nada básico criado e assinado pela Balenciaga e contrastou com o do namorado, o rapper A$AP Rocky (32), que estava coberto com uma espécie de manta de retalhos multicolorida. 

A diretora da revista Vogue, Anna Wintour, idealizadora da mostra, apostou em vestido florido colorido, cheio de babados na barra, com detalhes babadeiros. A editora-chefe aproveitou que a botânica está em alta e surpreendeu pela leveza e delicadeza.

Sem Kylie Jenner (24), Kendall Jenner (25) brilhou sozinha no red carpet. Na edição deste ano do evento, a top model apostou em um vestido transparência e brilho para o baile, deixando o seu corpo em destaque. A peça foi inspirada na atriz Audrey Hepburn (1929–1993) e foi assinada por Matthew M Williams (35), diretor da Givenchy

O red carpet foi dele! Lil Nas X foi vestido pelo Atelier Versace, e trouxe três roupas. De início, ele foi recebido com uma capa de veludo dourada, com direito a cauda e ombreiras bem estruturadas. Minutos depois, revelou uma espécie de armadura metalizada. Por fim, um macacão brilhante colado que destacou o seu corpo.

Além de Kendall, esteve por lá Kim Kardashian (40), que passou pelo red carpet com o rosto e corpo cobertos. O vestido remete à máscara usada por Kanye West (44), seu ex-marido. Pela primeira vez, a empresária acabou decepcionado com a roupa escolhida para a noite.

Gigi Hadid (26) foi uma das mais comentadas nas redes sociais por conta do seu novo visual. A estrela, que é considerada umas das maiores modelos do mundo, apareceu com o cabelo ruivo arrematando em um vestido criado pela Prada

Os convidados pararam para aplaudir Jennifer Lopez (52). Não deixando a sensualidade de lado, e cantora usou uma peça assinada pela Ralph Lauren que faz referência ao Velho Oeste e à época da independência americana.

A atriz e cantora Jennifer Hudson (40) apostou em vestido vermelho modelo sereia, com capa, que até complicou até para ela subir as escadas do Metropolitan Museum. Nada básica, o vestido vermelho atraiu a atenção do público e marcou a extravagância da estrela.

O destaque também ficou com a deputada Alexandria Ocasio-Cortez (31), também conhecida pelas inicias AOC, conquistou a mídia norte-americana com um vestido branco que trazia a frase Tax The Rich (Taxe o Rico). "É hora de trazer todas as classes para a conversa sobre como ter um país mais justo", afirmou ela.

O evento também marcou a estreia de inúmeras celebridades, como a atriz Megan Fox, que abusou do vermelho em um vestido feito por Peter Dundas, as cantoras Olivia Rodrigo (18) e Rosé (24), do BLACKPINK, ambas acompanhadas por YSL, e a atriz Maisie Williams (24), que trouxe uma referência ao filme Matrix e usou um vestido assinado pelo namorado, o designer Reuben Selby (28).

Justin Bieber encerra o MET Gala 2021 com apresentação surpresa:

O Baile do MET 2021 foi uma celebração à moda americana e a mentes criativas, e a noite contou com uma performance condizente e repleta de estilo criada e apresentada por Justin Bieber. 

Recém-saído de uma noite no VMAs 2021, durante a qual foi premiado como Artista do Ano, o canadense subiu ao Templo de Dendur do Museu Metropolitano para apresentar quatro de seus maiores sucessos, incluindo LonelyHold On, Anyone, e Baby.

Fotos: Getty Images

Último acesso: 05 Dec 2021 - 13:07:43 (399734).

Leia também

TV CARAS