Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Esporte / Luto

Técnico José Roberto Guimarães chora a morte de Walewska: ‘Perdi uma filha’

O técnico José Roberto Guimarães revela como recebeu a notícia da morte da ex-jogadora de vôlei Walewska Oliveira

por Priscilla Comoti

pcomoti_colab@caras.com.br

Publicado em 22/09/2023, às 08h02

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
José Roberto Guimarães fala sobre a morte de Walewska Oliveira - Foto: Reprodução / Globo
José Roberto Guimarães fala sobre a morte de Walewska Oliveira - Foto: Reprodução / Globo

O técnico de vôlei José Roberto Guimarães lamentou a morte da ex-jogadora de vôleiWalewska Oliveira em entrevista na Globo. Ele trabalhou com ela durante vários anos na Seleção Brasileira de Vôlei e contou como recebeu a notícia da morte dela.

Ele contou que soube a morte da atleta quando estava se preparando para o jogo da seleção contra a Turquia na quinta-feira, 21. "É um momento muito difícil, muito complicado. Estávamos perto de ir para o vídeo quando chegou a notícia do que tinha acontecido. A gente não sabia ainda exatamente. Nós preferimos, naquele momento, de não falar absolutamente nada. Não era o momento adequado até a gente entender um pouco o que estava acontecendo. Um pouco antes do jogo que a gente falou sobre o que tinha acontecido. Colocar tarja, enfim. É um momento de muita tristeza e dificuldade para todo mundo", disse ele. 

Então, o técnico encheu a atleta de elogios. "Ela era excepcional. Todo técnico, toda comissão gostaria de ter uma atleta como ela. Madura, tranquila, mas com uma vontade de fazer e realizar as coisas incrível. A gente fica sem chão. A gente perde a noção de muita coisa. Eu perdi uma filha. Eu perdi uma filha. É muito duro. É um momento para nós muito difícil", declarou. 

E completou: "Conhecendo a Walewska como nós conhecíamos, ela foi um exemplo de dedicação, de comprometimento. De tudo de bom que uma jogadora, atleta, pessoa pode ter. Ela sempre se cuidou muito, ajudou o time. Sempre fez o que podia fazer da melhor maneira possível desde pequena. Jogou com várias jogadoras e com a gente por vários anos. A gente fica sem chão para saber exatamente e entender as coisas. É difícil falar sobre isso. Abalou todo mundo nesse momento". 

++ Paula Pequeno se pronuncia sobre a morte de Walewska: ‘Ninguém vai saber a causa ainda'

Quem foi Walewska Oliveira?

A atleta Walewska Oliveira foi campeã olímpica em Pequim em 2008 e foi medalha de bronze em Sidney em 2000. Ela se despediu das quadras em 2022, quando jogada no time Praia Clube. Recentemente, ela lançou o livro Outras Redes sobre a sua trajetória e estava em fase de divulgação do projeto.

Walewska fez o seu primeiro teste para um time de vôlei aos 12 anos de idade e teve uma carreira de sucesso. Ela foi convocada para a Seleção Brasileira de Vôlei pela primeira vez em 1997, pelo técnico Bernardinho. Além dos títulos olímpicos, ela também foi ouro nos Jogos Pan-Americanos de Winnipeg, no Canadá, e conquistou a Superliga com o Praia Clube.