Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Carnaval / Campeã

Mocidade Alegre é a campeã do carnaval de São Paulo em 2024

A ex-BBB Thelma Assis foi uma das musas da escola de samba Mocidade Alegre, que foi a campeã do carnaval 2024 em São Paulo

por Priscilla Comoti

pcomoti_colab@caras.com.br

Publicado em 13/02/2024, às 18h32 - Atualizado às 18h53

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Thelma Assis com a fantasia que usou no desfile da Mocidade Alegre - Foto: Leo Franco / AgNews
Thelma Assis com a fantasia que usou no desfile da Mocidade Alegre - Foto: Leo Franco / AgNews

A escola de samba Mocidade Alegre recebeu o título de campeã do carnaval de São Paulo com o enredo ‘Brasiléia Desvairada: A Busca de Mário de Andrade Por um País’, que fez uma homenagem para o escritor e poeta Mário de Andrade. No desfile, a agremiação relembrou a expedição do artista em 1924 em direção ao interior do Brasil.

O desfile aconteceu na madrugada de domingo, 10, e teve a médica e ex-BBB Thelma Assis como uma das musas como destaque na agremiação. Após a declaração da vitória, Thelminha comemorou com um recado nas redes sociais. "BI-CAMPEÃ!!!!!!!! Que orgulho dessa escola!!! Emoção da minha vida. Parabéns", disse ela. 

Vale lembrar que a Mocidade Alegre também a campeã do carnaval de 2023.

Thelma Assis com a fantasia que usou no desfile da Mocidade Alegre
Thelma Assis com a fantasia que usou no desfile da Mocidade Alegre - Foto: Leo Franco / AgNews
Desfile da Mocidade Alegre - Foto: Leo Franco / AgNews
Desfile da Mocidade Alegre - Foto: Leo Franco / AgNews

Quem é Eloise Matos? Ela é a nova voz da apuração do carnaval de SP

A apuração das notas das escolas de samba de São Paulo tem uma novidade em 2024: Uma mulher vai fazer a leitura na apuração! Essa é a primeira vez que uma mulher assume esta função e a eleita foi Eloise Matos. Saiba mais sobre quem ela é:

Eloise Matos é locutora de rádio desde os anos 90 e cantora. Ela tem 50 anos, nasceu em São Paulo, é casada e tem uma mulher.

Eloise entrou para o meio da locução ainda na adolescência, quando participou de um programa na Rádio Bandeirantes e se apaixonou pela profissão. Ela já foi mestre de cerimônia de concurso da Corte do Carnaval de São Paulo e também já fez jingles para a publicidade. Ela foi convidada pela Liga Independente das Escolas de Samba de São Paulo para assumir a função de locutora na apuração do carnaval e aceitou o convite.

Nos últimos 30 anos, a apuração das notas de São Paulo foi feita com a voz de Antônio Pereira da Silva, o Zulu, que tem 75 anos. Ao G1, ele contou que vai descansar neste ano, mas não considera uma aposentadoria.