Cardio Burn: Invista no treino e continue gastando calorias por 36 horas

sexta 2 fevereiro, 2018
Cardio Burn
Cardio Burn Stefano Guardia


Por ser uma atividade de alta intensidade, a prática promove um alto gasto calórico; invista

Para quem busca perder peso e entrar em forma de uma maneira saudável, uma ótima opção é o Cardio Burn.

A atividade de alta intensidade, com curta duração, promove um alto gasto calórico e trabalha grandes grupamentos musculares de forma segura e eficiente.

"O programa Cardio Burn foi concebido embasado no principio fisiológico conhecido como EPOC, consumo de oxigênio pós-exercício. Nesta aula, pra estabelecer sua zona ideal de treinamento, você utiliza um monitor da frequência cardíaca e os seus dados como peso, idade e gênero são digitados no sistema. Todo o seu esforço é monitorado através da frequência cardíaca, onde os estímulos são prescritos com o objetivo de manter uma zona alvo pré-determinada", explica Eduardo Netto, diretor técnico da 'Bodytech'.

Com duração de 60 minutos e uma intensidade vigorosa, a aula promove um alto gasto energético e elevação da taxa metabólica, fazendo com que "você continue gastando mais calorias ao longo do dia. O consumo energético no momento da aula em média é de 600 kcal".

Eduardo ainda explica que a técnica mistura o remo, a corrida ou caminhada, o treinamento funcional e uma variação de carga e utilização de acessórios. "O Cardio Burn está dentro desse conceito de HIIT, que são exercícios com estímulos de curta duração e alta intensidade intervalados. Em relação aos benefícios, existe uma comprovação científica de que esses exercícios a base de HIIT são efetivos para a perda de peso, para a melhora do condicionamento físico geral, e contribuem para diversas patologias como hipertensão arterial, diabetes, entre outra. O grande diferencial desse tipo de atividade é que eles apresentam efeitos iguais ou melhores com um tempo reduzido. Então quando comparamos o HIIT com as atividades de modelo tradicional, ele utiliza de 20 a 30% do tempo do modelo tradicional".

Apesar de não apresentar nenhum risco, o expert alerta que por "trabalhar com uma intensidade muito alta, perto dos 90% do máximo, ele é difícil de ser tolerado por um aluno iniciante".

por Bruna Nastas
Atualizado sexta 2 fevereiro, 2018 (297621)

Mais conteúdo sobre:

ASSINE E GANHE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

  1. 1 Atriz compartilhou momento descontraído na praia, curtindo a gestação! De biquíni, Gisele Itié ostenta gravidez na praia
  2. 2 Renato Góes levanta suspeitas de gravidez de Thaila Ayala
  3. 3 Luan Santana exibe momento romântico com a noiva
  4. 4 Débora Nascimento comemora um ano e seis meses da filha
  5. 5 Anitta ousa demais ao exibir bumbum perfeito na cama
  6. 6 Márcio Canuto explica o verdadeiro motivo para sair da Globo
  7. 7 Juju Salimeni exibe curvas impressionantes em maiô coladinho
  8. 8 Michel Teló leva Thais Fersoza para viagem romântica
  9. 9 Luísa Sonza exibe bumbum de perto em clique de biquíni
  10. 10 Namorado de Marília faz tatuagem em homenagem ao filho