Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARAS
Atualidades / NOSTALGIA

Mirian Martins resgata memórias do programa Zorra Total: ''Foi praticamente um MBA da atuação''

Com carreira no Zorra Total, Mirian Martins relembra dos tempos do programa

CARAS Digital Publicado em 31/03/2021, às 16h51 - Atualizado às 16h55

Mirian Martins reflete sobre o cenário atual do humor - Divulgação
Mirian Martins reflete sobre o cenário atual do humor - Divulgação

Participante da história doZorra Total, Mirian Martins, resolveu relembrar da sua trajetória em uma dos maiores programas humorísticos da TV.

A intérprete de Rosinha, conta como foi trabalhar ao lado de artistas como Chico Anísio, Agildo Ribeiro, Nair Belo e Pedro Bismark.

"Eu me via em cena com Chico Anísio, Agildo Ribeiro, Nair Belo e o próprio Pedro Bismark, e quase tinha que dar uns beliscões em mim mesma para acreditar. Essa experiência serviu mais do que uma simples aula. Foi praticamente uma pós, um MBA de atuação", comentou ela.

A atriz revela que fazer comédia possui tanta complexidade quanto fazer drama. Porém, artistas que já nasceram com a veia cômica fazem toda a diferença. "Nos tempos de Zorra, eu percebia que a gravação fluía porque os atores eram naturalmente engraçados, mesmo pelos corredores dos estúdios do Projac. O humor é difícil, mas o drama requer muito talento. Tem que saber medir o sentimento na medida certa para a cena não ficar exagerada e artificial".

"Houve um aumento na quantidade de artistas apostando no humor e isso é muito importante. Hoje, existem mais programas humorísticos no ar do que há 15 anos, por exemplo. Por outro lado, acredito que se perdeu um pouco da qualidade,  já que muitos seguem uma linha de humor muito ácido, que beira a ofensa e isso eu particularmente não acho legal", reflete ela.

Mirian comenta sobre os seus humoristas favoritos no cenário atual, com quem até chegou a trabalhar. "O Brasil tem muitos bons atores de comédia. Adoro demais a Mônica Martelli, Fabiana Karla e Leandro Hassum. Cheguei a contracenar com eles e são todos muito amigos e generosos com quem tem menos bagagem".