Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

PAULISTA É A ORIENTAL MAIS BELA DO PAÍS

AMAURY JR., CELINA E MONICA SERRA PILOTAM O MISS CENTENÁRIO BRASIL-JAPÃO

Redação Publicado em 21/05/2008, às 18h14

A vencedora do Miss Centenário, Karina Eiko Nakahara, de Mogi das Cruzes, grande SP, ganhou um Picanto, da Kia Motors, e sete dias no Conrad Punta Del Este Resort & Casino. - João Passos/ Brasil Fotopress
A vencedora do Miss Centenário, Karina Eiko Nakahara, de Mogi das Cruzes, grande SP, ganhou um Picanto, da Kia Motors, e sete dias no Conrad Punta Del Este Resort & Casino. - João Passos/ Brasil Fotopress
Em noite apresentada por Sabrina Sato (27) e Kenji Yamai (31), a dentista paulista Karina Eiko Nakahara (26), de Mogi das Cruzes, foi eleita a Miss Centenário Brasil-Japão, no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo . A coroa criada por Miriam Sakai (50) e a faixa de mais bela descendente oriental foram entregues pela Miss Brasil 2007, à atriz Natália Guimarães (23), do júri. "Não existe rivalidade entre Japão e Brasil", afirmou Natália, sem ressentimentos por ter perdido o título de Miss Universo para a japonesa Riyo Moru (20). Ela aplaudiu o show do grupo do amado, Leandro (26), o KLB. "Estou feliz com o Lê. Ele é especial." O concurso foi idealizado pelo apresentador Amaury Jr. (58), do Programa Amaury Jr, e sua mulher, a empresária Celina Ferreira (54), em parceria com a Rede TV! e com a primeira-dama do Estado de São Paulo, Monica Serra (63). "Foi um ano de muito trabalho para chegar até aqui", discursou Amaury. "Além da homenagem à mulher, é um evento solidário", ressaltou Monica, sobre o fato de o ingresso para o evento ter sido um agasalho e uma lata de leite em pó, doados ao Fundo de Solidariedade e Desenvolvimento Social e Cultural de SP, que preside. Ao lado do marido, Amilcare Dallevo Jr. (50), presidente da Rede TV!, a apresentadora Daniela Albuquerque (25), também integrou o júri. "São todas lindas", observou ela. "São Paulo foi construída por imigrantes, inclusive os japoneses", lembrou Amilcare.