Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Moda: Ready to wear Spring 2013: Isabel Marant

É casual e pronto. Ponto!

Redação Publicado em 18/12/2012, às 18h18 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Formas sequinhas, tecidos fluidos e mix de estampas traduzem o jeito moderno de ser casual. - Marcio Madeira
Formas sequinhas, tecidos fluidos e mix de estampas traduzem o jeito moderno de ser casual. - Marcio Madeira

O termo usado para determinar o tipo de coleção apresentada em uma semana de moda, a expressão “ready to wear” — ou, em português, “pronto para usar” —, poderia ganhar mais uma palavrinha no universo Isabel Marant: fácil e pronto para usar. Essa é a sensação de quem admira e acompanha o trabalho da designer francesa, que não só entende os desejos de casualidade da mulher contemporânea, como também consegue traduzi-los da forma mais sensual possível. Aqui a dupla jeans e camiseta ganha expressivas possibilidades com suas estampas florais, bordados e formas fluidas. Inspirada na estética dos anos 1970, mais especificamente na atmosfera meio Brigitte Bardot em Saint-Tropez e no clima Elvis Presley no Havaí, as peças têm a leveza que a estação pede, alinhada a sofisticação pra lá de despretensiosa. As calças justas, uma de suas marcas registradas, agora chegam mais coloridas com sobreposições de estampas e pedem comprimentos no melhor estilo tornozelos à mostra. Por falar neles, mais um daqueles fenômenos dos pezinhos fashionistas — depois dos sneakers — está por vir. Trata-se das sandálias de tiras com saltos médios e quadrados, que, além de traduzir com precisão os desejos de conforto, ainda representam aquele elemento cool que faltava no visual basiquinho. Dastacamse na coleção também as estampas de lenço que se transformam graças aos diferentes trabalhos de modelagem. Ora franzidas nos vestidos de seda, ora evidenciadas nas calças de cintura baixa, elas se mostram ainda mais versáteis. Pelo visto, o que está pronto para usar pode ser fácil, mas jamais monótono.