Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Belas Gabriela Duarte e Isabel Fillardis em leilão de vinhos

Em São Paulo, com grandes nomes do esporte, estrelas da TV se unem em prol de ONG e arrecadam mais de 1 milhão de reais

Redação Publicado em 15/06/2010, às 12h49 - Atualizado às 12h58

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Gabriela, chique. - CAUÊ DINIZ
Gabriela, chique. - CAUÊ DINIZ
A vontade de fazer o bem deu o tom do 3o Leilão de Vinhos da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de São Paulo, Apae SP, que arrecadou mais de 1milhão de reais em evento realizado no Terraço Daslu, em São Paulo, com apoio das estrelas da TV Gabriela Duarte (35) e Isabel Fillardis (36). Com a agenda atribulada por conta das gravações da novela Passione, Gabriela, que interpreta a mimada Jéssica na trama de Silvio de Abreu (68), viajou do Rio especialmente para prestigiar Cássio Clemente (51), diretor presidente da entidade. "Acredito no trabalho realizado pela Apae há muitos anos. Agora que a minha filha, Manu, estuda com a filha do Cássio, estreitamos os laços. É a primeira vez que participo de um leilão de vinhos. Foi uma noite linda e especial", diz Gabi, citando a filha Manuela (3), com o fotógrafo de moda Jairo Goldflus (42). Chique, a atriz vestia negro Versace e portava bolsa verde Jimmy Choo. Com a mãe, Sônia (54), Isabel também marcou presença na noite comandada com maestria pelos jornalistas Carlos Tramontina (54) e Maria Cândida (38), embaixadora da Apae de SP. "A Apae tem um trabalho transparente e verdadeiro. Fico feliz de participar", diz Isabel, mãe de Jamal Anuar (7), portador da Síndrome de West, e entusiasta deste tipo de ação social. A venda dos 59 lotes de vinhos foi aplaudida ainda pelo exnadador Gustavo Borges (37), com a mulher, Bárbara Borges (36), e pelo ex- jogador de vôlei Maurício Lima (42), com sua bela Roberta Lima (34). O lucro do leilão será destinado os serviços prestados pela entidade, como procedimentos ambulatoriais, consultas para diagnosticar deficiências e a realização de terapias individuais, como fonoaudiologia, psicologia, pediatria, neurologia, terapia ocupacional e assistência social.

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!