Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Arquivo / Tech e Consumo

Barack Obama declara junho como mês do orgulho gay e Facebook lança emoticons para celebrar

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, oficializou junho como mês do Orgulho LGBT para celebrar o progresso no país com a igualdade

CARAS Digital Publicado em 03/06/2014, às 10h52 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Barack Obama - Getty Images
Barack Obama - Getty Images

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, instituiu junho como o mês oficial do Orgulho LGBT, como uma forma de celebrar os avanços na luta pela igualdade de lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros. "À medida que o progresso se espalha pelos Estados, mais colegas norte-americanos passam a ser tratados com dignidade e respeito - nossa nação se torna mais amigável e mais igual", diz Obama em carta publicada no site da Casa Branca. 

"Nosso compromisso com a promoção da igualdade para a comunidade LGBT vai muito além das nossas fronteiras. Em muitos lugares ao redor do mundo, as pessoas LGBT enfrentam perseguição, prisão, ou mesmo a execução patrocinada pelo Estado. Isso é inaceitável. Os Estados Unidos convocam todas as nações a se juntarem a nós na defesa dos direitos humanos universais de nossos irmãos e irmãs LGBT", pediu Obama.

Este ano, completa-se o 45º aniversário da Rebelião de Stonewall, que aconteceu em 28 de junho de 1969. O episódio ficou marcado por uma série de conflitos entre a comunidade gay de Nova York e policiais acusados de maus tratos com pessoas LGBT. 

Para comemorar a proclamação de Obama, o Facebook lançou 28 novos emoticons que celebram a causa gay. "Nós vemos isso como mais uma forma de fazer o Facebook um lugar onde as pessoas possam expressar sua autenticidade", anunciou o Facebook em comunicado oficial.