Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARAS

Angelina Jolie: 'Tenho muita sorte de não ter morrido jovem'

Angelina Jolie revelou que teve um passado negro e que sobreviveu a momentos difíceis

Redação Publicado em 22/11/2011, às 20h32 - Atualizado em 08/08/2019, às 15h43

Angelina Jolie - Getty Images
Angelina Jolie - Getty Images

Angelina Jolie (36) falou sobre seu passado negro para o programa 60 Minutes, da CBS, que vai ao ar neste domingo, 27, nos Estados Unidos. Segundo a atriz, seu passado foi tão perigoso que ela tem sorte de estar viva. “Eu passei por tempos difíceis e sobrevivi a eles. Tenho muita sorte de não ter morrido jovem. Tem outros artistas que não sobreviveram a certas coisas”, contou ao apresentador Bob Simon (70).

Jolie foi notícia quando usava uma corrente com sangue de seu marido na época, Billy Bob (56). Seu pai, o ator Jon Voight (72), declarou publicamente que a atriz precisava de ajuda quando ela beijou seu próprio irmão na boca em público.

Mas a atriz disse que seu lado doida ainda existe. “Eu ainda sou uma menina má, esse lado ainda existe, mas agora está no lugar certo: pertence ao Brad Pitt e às nossas aventuras”.

O programa da CBS foi entrevistar Jolie em Budapeste, onde ela filmou algumas cenas de seu próximo filme In The Land of Blood and Honey, que ela também escreveu e dirigiu. É uma história de amor que se passa na guerra da Bosnia, no início dos anos 90.