Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
TV / Novidade

Michel Teló se diverte ao apresentar o Passa ou Repassa no Domingo Legal

Michel Teló é o convidado do Domingo Legal desta semana e assume o comando do quadro Passa ou Repassa

por Priscilla Comoti

pcomoti_colab@caras.com.br

Publicado em 08/02/2024, às 11h49 - Atualizado às 12h10

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Celso Portiolli e Michel Teló no Domingo Legal - Fotos: João Vitor Nunes Barbosa/SBT
Celso Portiolli e Michel Teló no Domingo Legal - Fotos: João Vitor Nunes Barbosa/SBT

O cantor Michel Teló viveu uma experiência diferente ao participar do programa Domingo Legal, do SBT. Na próxima edição da atração, que vai ao ar no domingo, 11, ele vai aparecer na função de apresentador do quadro Passa ou Repassa, que é um clássico da TV brasileira.

Sob a orientação do apresentador Celso Portiolli, o sertanejo vai se divertir ao comandar a brincadeira dos dois times no palco. O time amarelo contou com Bia e Branca Feres e Ana Paula Minerato. E o time azul ficou com Zé Ricardo e Thiago e Nat Guareschi.

Além disso, Teló ainda vai relembrar momentos importantes de sua carreira em uma entrevista no Domingo Legal.

A atração vai ao ar a partir das 11h15.

Celso Portiolli e Michel Teló no Domingo Legal

Celso Portiolli e Michel Teló no Domingo Legal

Fotos: João Vitor Nunes Barbosa/SBT

A fortuna de Michel Teló

O cantor Michel Teló é um sucesso na música, mas também é investidor e fazendeiro. O artista construiu uma verdadeira fortuna para viver bem e também deixar uma boa situação financeira para seus filhos - ele é casado com Thais Fersoza e é pai de duas crianças, Melinda e Teodoro. Agora, ele contou como construiu a sua fortuna ao longo dos anos.

Em entrevista para André Piunti no YouTube, Teló deu um show de consciência financeira ao contar que sempre pensou em criar uma situação estável quando o assunto é dinheiro. Tanto que ele sempre economizou os cachês que ganhava na música e buscava investimentos de longo prazo. Ele é dono de três fazendas: uma em Campo Grande, Mato Grosso do Sul, uma no Pantanal - ambas com criação de gado - e uma em Minas Gerais, onde planta Mogno Africano para cortar daqui alguns anos e vender a madeira. Além disso, ele também investiu em imóveis para aluguel em várias regiões e economizou dinheiro para investimentos.

"Quando eu comecei a ganhar dinheiro, eu fui guardando e comprando boi e fazenda. Imóveis de aluguel, galpões, eu sempre acreditei muito na coisa do imóvel. Aos poucos fui comprando e colocando para alugar, um galpão, um imóvel no centro”, disse ele.

Então, Teló contou qual é o seu pensamento quando o assunto é dinheiro. "Se o meu custo de vida é R$ 5 mil, eu preciso não depender de fazer show para viver com esses R$ 5 mil. Entendeu? O que eu ganhar na música não vai mudar em nada para mim. Se eu tenho um custo de vida de tanto hoje, eu só quero que o aluguel e o rendimento de aluguel dê certo para que eu não dependa disso”, afirmou ele.

E completou: "Desde antes do Tradição [grupo que integrou no início da carreira] eu fui guardando, eu levo uma vida simples perto da loucuragem que o povo faz. A casa é uma conquista minha e da Thais, a gente fez questão de comprar juntos. A Thais tem uma história de vida e de trabalho, ela fez questão da gente investir juntos e isso foi legal. A primeira aquisição da nossa vida juntos foi a casa”.

Por fim, ele definiu: "Eu poupei muito mais da metade que eu ganhei e reinvesti”.