Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Paris teria surtado após nova acusação de abuso sexual contra Michael Jackson

Paris Jackson ficou abalada após Wade Robson, que cresceu com ela, acusar seu pai, Michael Jackson, de abuso sexual. Entenda a história!

Redação Publicado em 07/06/2013, às 09h50 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Paris Jackson - Reprodução / Instagram
Paris Jackson - Reprodução / Instagram

As especulação sobre os motivos que teriam feito Paris Jackson a tentar se matar continuam. De acordo com o RadarOnline, a jovem de 15 anos começou a surtar quando o coreógrafo e antigo amigo da família Wade Robson afirmou ter sido abusado sexualmente pelo pai dela, Michael Jackson, dos setes aos 14 anos de idade.

“Paris se sentiu traída”, disse uma fonte próxima à família Jackson.  “Ela não conseguia entender o porquê Wade faria acusações tão graves contra o pai dela. Paris lembra dele afetuosamente e pensou que Wade fosse um irmão mais velho quando ela estava crescendo”, contou.

Wade Robson é australiano, mas mudou-se para os Estados Unidos com toda a família depois que se tornou um ‘dançarino prodígio’. Ele apareceu em três clipes de Michael Jackson – Black or White, Jam e Heal the World – e cresceu trabalhando ao lado do Rei do Pop.

+ Demi Lovato manda mensagem de apoio para Paris Jackson

“Michael sempre avisou a filha sobre oportunistas que tentariam arrancar dinheiro com o nome Jackson, mas ela ficou surpresa que Wade agora está querendo dinheiro do espólio – isso realmente a chocou”, continuou o informante.

O coreógrafo disse que guardou a verdade até hoje, pois não estava pronto para encarar os fatos, até perceber que um estranho poderia molestar seu filho, de apenas dois anos. “Esse não é um caso de memória reprimida. Eu nunca esqueci nenhum momento do que Michael fez comigo, mas eu estava psicologicamente e emocionalmente inválido e indisposto a entender o que é um abuso sexual”, declarou no programa.

Em 1993, quando Michael Jackson enfrentou outra acusação por abuso sexual, o cantor teria induzido Robson, que na época tinha 11 anos, a ficar quieto sobre o que acontecia entre eles. De acordo com o coreógrafo, Jackson o chamava todos os dias para ‘brincar’ e dizer que se alguém soubesse o que acontecia entre eles, ‘os dois passariam o resto da vida na cadeia’.

+Saiba os motivos que teriam feito Paris Jackson tentar cometer suicídio

Com toda a repercussão da história, Paris teria recebido comentários maldosos sobre seu pai nas redes sociais e na sua escola.

Atualmente, a jovem está internada sob observação psiquiátrica e deve receber alta apenas no sábado, 8.