Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Conheça Lorde, a menina de 16 anos que dominou os Estados Unidos e já conquistou inimigas

Lorde, de 16 anos, é a primeira neozelandesa a conquistar o topo da Billboard, desbancando Miley Cyrus, Katy Perry e Justin Timberlake. A dona do hit 'Royals' também é a cantora mais jovem a chegar ficar em primeiro lugar nos últimos 25 anos

CARAS Online Publicado em 03/10/2013, às 09h56 - Atualizado em 24/03/2020, às 14h50

Lorde - Reprodução/ Interview
Lorde - Reprodução/ Interview

Ela tinha apenas 13 anos quando foi descoberta pela gravadora Universal Music na Nova Zelândia em um show de talentos. Seu nome de batismo é Ella Yelich-O’COnnor, mas atende como Lorde nas paradas musicas de todo mundo. E é bom ficar de olho nela.

Lorde lançou o EP The Love Club em dezembro passado, conquistando o primeiro lugar nos charts neozelandeses em pouco tempo. Mas sua jornada de sucesso começou com o clipe Royals, que, sem nenhuma divulgação, se espalhou pelo mundo todo e transformou a música em um fenômeno.

Nesta quinta-feira, 3, Lorde se tornou oficialmente a primeira neozelandesa a conquistar o primeiro lugar do Hot100 da Billboard, desbancando Miley Cyrus, Katy Perry, Justin Timberlake, Lady Gaga e outros artistas de peso nos Estados Unidos. Ah, ela também é a cantora mais jovem a chegar no topo em 25 anos.

Em entrevistas, Lorde diz que se inspira em Lana Del Rey e nos rappers Jay Z e Kanye West para compor suas músicas. Mistura estranha, não? Mas a menina, que completa 17 anos no próximo mês, conseguiu fazer dar certo. O primeiro disco dela foi lançado na semana passada e se chama Pure Heroine. 

Inimigas

Com 16 anos, Lorde já mostrou que tem personalidade forte suficiente para permanecer por muito tempo na indústria musical – e também para fazer inimigos.

Selena Gomez foi uma das primeiras artistas americanas a divulgar Lorde nos Estados Unidos, fazendo um cover de Royals em seu show. Mas nem por isso a neozelandesa deixou de falar o que pensa sobre a ex-namorada de Justin Bieber.

Em entrevista, Lorde declarou que ama música pop, mas está cansada de músicas como Come & Get it, último grande sucesso de Selena. “Estou cansada de ver como as mulheres estão sendo retratadas desta forma”, falou.

Sobre também para Taylor Swift, a namoradinha da América. Lorde disse que não acha saudável para as adolescentes se inspirarem em artistas como Taylor, que se mostram ‘inatingíveis’ ou ‘perfeita demais’.

Depois de comprar a briga com o fã clube da cantora, Lorde pediu desculpas: “O que eu quis dizer foi que há um monte de importância dada à perfeição física nesta indústria, e eu desejo que minhas estrelas favoritas não pareçam perfeitas, porque eu acho que as fãs (eu inclusa) tem esses sentimentos de desvalorização, como se nunca fosse ser tão bonita ou talentosa, como resultado dessa intensa cultura do photoshop e a interminável luta pela perfeição. Taylor foi a primeira pessoa que eu pensei na entrevista, e eu lamento. Ela é muito bonita, mas eu acho que ela também usa suas outras imperfeições de uma forma incrivelmente poderosa. Taylor Swift tem uma visão muito original que eu admiro.”

Royals