Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Eventos / One Day Golf

NÉLIO RODRIGUES EXIBE CENAS DA CAPITAL MINEIRA

NA ILHA, JOANA, GIANNE E LUIZA SE ENCANTAM COM O LIVRO BELO HORIZONTE VISTA DO CÉU

Redação Publicado em 22/03/2007, às 14h56

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Joana, com Sophia, Gianne, Ciacco, Luiza Brunet, Armando e Pedro felicitam o fotógrafo Nélio Rodrigues
Joana, com Sophia, Gianne, Ciacco, Luiza Brunet, Armando e Pedro felicitam o fotógrafo Nélio Rodrigues
Da Ilha de CARAS, em Angra, litoral fluminense, era possível avistar a capital mineira. Bastava folhear as páginas do livro Belo Horizonte Vista do Céu, com fotos aéreas de Nélio Rodrigues (46), ganhador do Prêmio Abril de Fotografia em 1993 e 2005. Carioca de nascimento e mineiro de coração, Nélio - que vive há 18 anos em Minas - foi o responsável pelo terceiro volume da coleção publicada pela Editora CARAS, que abrange os títulos São Paulo Vista do Céu, de Marcos Rosa (49), e Rio de Janeiro Vista do Céu, de Sergio Zalis (51). "Sobrevoei a cidade e fiz mais de 2 000 fotos. Cerca de 200 foram publicadas. Este é meu primeiro livro e é sensacional começar com algo histórico. Fiz um banco de imagens fantástico da cidade que amo e ainda tenho o prazer de ver esse trabalho se transformar em livro", festeja Nélio, durante o lançamento no Acqua Lounge Fiat, empresa patrocinadora da obra. Atores, modelos, artistas plásticos e designers se emocionaram ao receber o livro das mãos do autor. "É um privilégio ver esta cidade sob esse ângulo tão diferente, de cima. A fotografia, cada vez mais, se firma como valioso objeto de desejo", sentenciou Luiza Brunet (44), ao lado do marido, Armando Fernandez (56), e da topGianne Albertoni (25). Diretor de publicidade e marketing da Fiat Automóveis, João Ciacco (43) se uniu à turma que, embora não seja mineira, mantém antiga relação de carinho com Belo Horizonte. "Esta é a casa da Fiat, que nasceu em Minas, e esse Estado me acolheu com muito carinho. Sou paulista, mas sou fã de Belo Horizonte e aficionado por fotografia", contou Ciacco ao grupo formado pelo artista plástico Juarez Machado (65), o arquiteto Sergio Rodrigues (79), o estilista Arthur Caliman (27) e o desenhista Mauricio de Sousa (71), que exibia prova cabal de sua paixão pela arte. Para onde ia, Mauricio carregava sua câmera fotográfica, registrando tudo o que achava interessante: pessoas, paisagens ou decoração. "Sou amador, mas adoro. Fotografo absolutamente todas as minhas viagens e, assim como os meus desenhos, arquivo e costumo catalogar tudo", explicou o criador da Turma da Mônica. O ator e diretor global Marcos Paulo (55) não fotografa, mas mantém hobby específico com relação à fotografia. "Coleciono exatamente livros de fotos aéreas. Acho lindo ver as cidades de cima. O anterior a este, o do Rio de Janeiro, por exemplo, está em lugar de destaque na minha casa", contou o galã aos atores Nelson Freitas (45) - com a filha, Paulinha (16) -; Totia Meireles (48) e Joana Limaverde (31), com sua Sophia (1) no colo. Já o designer de jóias mineiro Pedro Brando (36) se empolgou ao rever os principais monumentos da cidade, como o Complexo Arquitetônico da Pampulha, o Estádio do Mineirão e o Palácio da Liberdade. "Não poderia jamais deixar de prestigiar o lançamento de um conterrâneo", disse ele para Nélio, que foi a Belo Horizonte pela primeira vez para passar um réveillon e se apaixonou - pela cidade e por sua mulher, a mineira Valéria Ghezzi (43). E com o mesmo tipo de amor incondicional que dedica à fotografia. "Queria ser jogador de futebol. Fiz vários testes em clubes e nunca me saí bem. Aos 17 anos fiz um curso de fotografia e decidi que era isso o que queria fazer para o resto da vida", contou ele, que atualmente é dono da agência Primeiro Plano e já trabalhou para as revistas Placar e Veja, além da própria CARAS, em que fez história com a matéria intitulada Banho de Sol Antes da Posse, com fotos de d. Ruth Cardoso (76) de maiô logo após Fernando Henrique Cardoso (75) ser eleito presidente da República, em seu primeiro mandato. FOTOS: CADU PILOTTO, PAULO JABUR E RAMIRO DE JESUS