Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Atualidades / APOIO

Em meio a confusões, mãe de Neymar declara: ‘Que não tirem de você esta alegria de viver'

Neymar completa 32 anos nesta segunda-feira, 5, e ganha homenagem de Nadine Gonçalves, em meio a suposta paternidade de uma menina de 10 anos

Nadine posa com Neymar. Gabriella Gaspar alega ter gerado uma filha do atleta - Reprodução/Instagram
Nadine posa com Neymar. Gabriella Gaspar alega ter gerado uma filha do atleta - Reprodução/Instagram

O jogador de futebol Neymar completa 32 anos nesta segunda-feira, 5. E em meio a mais nova polêmica envolvendo seu nome – uma mulher húngara alega ter uma filha de 10 anos com o atleta e move uma ação na Justiça de São Paulo contra ele – a mãe do craque, Nadine Gonçalves, resolveu homenageá-lo nas redes sociais. “Que nenhuma circunstância, luta ou ser humano, tire de você esta alegria de viver, de ser sempre você”, diz um trecho da postagem no Instagram.

E continua: “Peço a Deus que tome seu coração e sua mente a Ele, que te guarde e te livre, que se for para passar por prova, que seja com o Senhor na frente, e com toda sabedoria para esperar nele o tempo certo. Eu o conheço, muito além dos olhos, dos sorrisos, das aparências. Então, meu amor, estou aqui, até quando não sabemos, mas que seja o tempo de Deus, para te ver muito feliz e realizado em todas as áreas da sua vida. Simplesmente te amo e sinta o abraço do Pai, aquele que nunca nos abandona, independente de nossos erros e acertos”.

A ex-modelo Gabriella Gaspar (30), que trabalha como estoquista em Budapeste, está lutando para provar na Justiça que Neymar é o pai de sua filha, a pequena Jazmin Zoé, de 10 anos. As duas vivem na Hungria e, de acordo com o advogado da moça, Angelo Carbone, o caso já é conhecido no país. “Dizem até que a menina se parece muito com ele”, conta à CARAS Brasil.

Desde que soube da gravidez, Gabriella afirma ter feito várias tentativas de contato, inclusive com a família do atleta, além de ter enviado uma carta ao Instituto Neymar Jr e mensagens no Instagram do próprio jogador.

Além do teste, a mulher pede na ação, movida na Vara da Família do Foro Central Cível de São Paulo, uma pensão equivalente a 30 mil euros mensais (cerca de R$ 160 mil). Segundo Carbone, o valor é alto porque é referente ao tempo que Gabriella arcou com todos os gastos da criança.

Quero trazê-la para o Brasil ou conseguir, o mais rápido possível, que Neymar vá até a Hungria fazer o teste de DNA. A ideia é acabar logo com o sofrimento das duas, pois elas não têm uma boa condição financeira”, destaca o advogado.

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!