Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

O amor muda a vida de Flávia Monteiro

Ela conta na Ilha como o início do namoro transformou seus valores

Redação Publicado em 02/12/2009, às 20h23

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
O amor muda a vida de Flávia Monteiro - HÉLIO MOTT A/MOTT A PROD. ARTÍSTICA E MARKETING; AGRADECIMENTOS: ULUWATU
O amor muda a vida de Flávia Monteiro - HÉLIO MOTT A/MOTT A PROD. ARTÍSTICA E MARKETING; AGRADECIMENTOS: ULUWATU
A atriz Flávia Monteiro (37) considerava-se uma pessoa cética até sete meses atrás. Sem ter um relacionamento sério há cinco anos, ela já se conformava com a solteirice, não ligava para casamento tradicional e já considerava a hipótese de uma inseminação artificial para engravidar. No entanto, desde a chegada do empresário Avner Saragossy (44), tudo mudou. "Nunca acreditei no amor à primeira vista até conhecê-lo no aniversário do meu amigo Eduardo Galvão. Nossa empatia foi imediata. Quatro meses depois já morávamos juntos", empolga-se ela, que pensa em oficializar a união, provavelmente no ano que vem. "O casamento faz parte da nossa cultura e eu não quero passar por essa vida sem experimentar isso", justifica. Mais madura e consciente com o passar dos anos, Flávia acredita que o companheiro apareceu no momento certo. "Se fosse há cinco, dez anos, não teria dado certo. Eu tinha outra cabeça, outras vontades Curti muito tudo, agora estou em outro momento", avalia a atriz, que gosta de citar uma frase dita pelo amado. "Tudo é perfeito do jeito que é", repete, com convicção. De férias da TV após o seriado A Lei e o Crime, na Record, Flávia já tem data para voltar ao trabalho. Nos próximos dias começa a gravar Ribeirão do Tempo, próxima trama da emissora, com estreia prevista para fevereiro de 2010. "Eu sou workaholic, amo trabalhar. Além da novela, vou dar um gás no documentário que fiz sobre a bailarina Ana Botafogo. Estamos na fase da busca de patrocínio. Espero lançá-lo em 2011", planeja ela. - Como avalia sua atual fase? - Realizada, tranquila, serena, amando, trabalhando! A vida é mágica. Morei sozinha muito tempo e agora os interesses não estão mais voltados para meu umbigo. A minha preocupação atualmente é a harmonia familiar. - O que você considera essencial para uma relação dar certo? - Respeito, confiança e zelo formam a trilogia essencial. Se duas pessoas estão juntas é porque querem. Sei dar liberdade e respeito muito a individualidade dele, não fico no pé, dou espaço. - Você já está animada para ter filhos? - Avner já é pai do Pedro, de 13 anos, que é um amor de garoto. Eu até poderia engravidar logo, mas temos muito para vivenciar juntos ainda. Daqui a um ano e meio pretendo ter um bebê. Ele também quer e acredito que a criança virá para fortalecer nossa união.