Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

CAROLINE BITTENCOURT EM TOUR PELA CASA COR SÃO PAULO

A MODELO E APRESENTADORA SE ENCANTA COM OS 69 AMBIENTES DA 22ª EDIÇÃO DA MOSTRA NO JOCKEY CLUB

Redação Publicado em 27/05/2008, às 17h00

Instalada no Jockey Club de São Paulo, o evento de decoração reúne em 6500 metros quadrados, 69 ambientes projetados por 88 arquitetos, designers e paisagistas. - Adilson Felix
Instalada no Jockey Club de São Paulo, o evento de decoração reúne em 6500 metros quadrados, 69 ambientes projetados por 88 arquitetos, designers e paisagistas. - Adilson Felix
por Adriana Trujillo Ao caminhar pela 22a edição da Casa Cor São Paulo, no Jockey Club da capital paulista, Caroline Bittencourt (25) demonstra encantamento diante dos 69 ambientes projetados por 88 profissionais brasileiros. "Me empolgo com tantas novidades. Amo decoração porque tem tudo a ver com moda. Prefiro espaços com peças clean adornadas com toques asiáticos", contou a modelo e apresentadora do quadro Sete Segredos por Carol Bittencourt do Hoje Em Dia, da Record. "Em cada viagem que faço para gravar o programa trago um objeto para decorar minha casa", revelou a namorada há três anos e meio do empresário e apresentador do 50 por 1, da mesma emissora, Alvaro Garnero (39). Durante o tour, Carol falou com exclusividade a CARAS e elegeu seus espaços preferidos na mostra. - É ligada em decoração? - Eu simplesmente amo. Mudei há um ano para meu apartamento e continuo decorando-o. Adoro ir a lojas de decoração e, nas viagens, sempre trago alguma coisinha. Já trouxe imagens de Budha e Shiva, da Índia, e um lustre da Turquia. Sou adepta de ambientes clean, adornados com detalhes asiáticos. - E qual é o canto que elege como preferido em sua casa? - O quarto, que revela muito do que você é. Lá fiz meu aconchego, com minha energia. Não faltam vários travesseiros de plumas de ganso na cama; além dos edredons, que adoro. E tem Santa Terezinha, Santa Rita, e outros santinhos que ficam lá para me proteger. - O que achou desta edição da Casa Cor São Paulo? - Faço questão de todos os anos visitar a mostra para ver as novidades. A Casa Cor este ano está impressionante. Viajo o mundo inteiro, mas no Brasil o pessoal é mais criativo, com um bom gosto incrível e senso estético estimulante. - Do que mais gostou? - São tantos espaços que me chamaram a atenção. Fiquei louca com a cadeira com asas de anjo do Estúdio 2, de Alessandro Jordão e Kiko Sobrino. A Cabana assinada pelo Roberto Migotto está linda. Adorei a integração do quarto com a parede de samambaias, sem contar o quadro gigante de borboletas. Sou louca por elas. Tenho quatro tatuagens com borboletas. A Casa do Golf de Dado Castello Branco é um convite ao namoro, porque é toda rústica, com lareira. Os jardins são um sonho. O Lounge Bossa Nova, de Débora Aguiar, é maravilhoso com todas aquelas velas, um piano. Me apaixonei pela Casa da Árvore do Fred Benedetti e Fernanda Abs: lembra a infância. Estão todos de parabéns. Quero voltar com o Alvaro. - E como vai o namoro? - Está ótimo. O gostoso do relacionamento é que vai passando por várias fases. O bacana é amadurecer cada etapa e seguir adiante. Não esquecendo do companheirismo, carinho e respeito. - Planos de casamento? - Está tão gostoso que tenho medo de mudar. Viajamos juntos, dormimos juntos todo dia. É como se fôssemos casados. - Você é mãe da Isabelle. Alvaro é pai de Alvarinho. Planejam filhos juntos? - Tenho vontade de ser mãe novamente, sim. A Belle já fez 6 anos. Mas não no momento. A hora em que eu e o Alvaro estivermos mais calmos, aí rolará.