Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Os intensos 15 anos de Ana Maria Braga no 'Mais Você'

Ela grava aniversário da atração matinal na mágica Disney com convidados e fala de interesses que se renovam

CARAS Publicado em 11/11/2014, às 12h38 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Bolo com Minnie, Pateta, Mickey, Pluto e Pato Donald pelos mais de 3700 programas. - ALINE KRAS/TV GLOBO
Bolo com Minnie, Pateta, Mickey, Pluto e Pato Donald pelos mais de 3700 programas. - ALINE KRAS/TV GLOBO

Em 1999, com a estreia do Mais Você, Ana Maria Braga (65) tornava-se a primeira apresentadora da Central Globo de Produção a comandar um programa diário e ao vivo. Hoje, com a marca de mais de 3700 edições, fôlego de sobra e alegria de adolescente, ela celebrou os 15 anos da atração com pitadas de magia, na Disney, em Orlando. A festa, que recebeu convidados como Susana Vieira (72), vai ao ar nesta sexta-feira, 14.

“Saber que posso entrar na casa das pessoas, privar da intimidade da família e levar algo de bom para cada um faz parecer que foi ontem que tudo começou. Ainda sinto frio na barriga todas as manhãs, graças a Deus!”, analisa. Durante esse tempo, o público deu muitas risadas com o seu fiel companheiro Louro José, aprendeu inúmeras receitas, tomou café com ídolos e até com a presidente da República, Dilma Rousseff (66). Mas também se emocionou com fases delicadas na trajetória de Ana, a luta contra um câncer de intestino, em 2001, e de extrema felicidade, o anúncio, em setembro deste ano, de que a filha, Mariana Maffei (30), acabara de dar à luz Maria, sua terceira neta. “Impossível contabilizar o que mais marcou”, avalia.

Com tanto sucesso, houve uma curiosidade natural dos fãs em relação à sua vida amorosa. No período, ela se separou de Carlos Madrulha (49), com quem se relacionou por cinco anos, casou e rompeu com Marcelo Frisoni (44), após seis anos, e, mais recentemente, namorou, pouco menos de um ano, Mauro Bayot (53). “Ainda acredito no amor, claro”, garante Ana.

Ser uma pessoa pública atrapalha na hora de se relacionar?
Algumas vezes. Tudo na vida tem dois lados, depende do momento e do jeito que você olha.

O envelhecer mudou a forma de lidar com a sensualidade?
Nada mudou. Não sinto a idade. Sou uma mulher intensa, com interesses que se renovam. Não perco tempo pensando nisso.

O sucesso no Mais Você alterou a sua maneira de ver a vida, de lidar com as pessoas?
Sou extremamente simples. Conservo o que fui, quem eu sou. Mas aprendi muito ao longo desse tempo e o conhecimento, claro, traz coisas novas. Quanto a lidar com as pessoas, é e sempre será uma caixinha de surpresas. Sou exigente, quero sempre mais e melhor. Talvez isso não venha a agradar, mas não posso fazer nada a respeito. Eu nunca busquei a unanimidade.

E as transformações em você?
O programa me trouxe muitos aprendizados e, consequentemente, mudanças em mim, não na minha personalidade. Posso dizer que hoje sou mais tolerante, não menos exigente.

O seu visual é sempre muito comentado, vira moda. Já se arrependeu de algo?
Sou uma figura pública, tenho obrigação de me cuidar, estar bem. Primeiro, para mim mesma, depois para entrar na casa das pessoas. O cuidado pessoal é uma maneira de se querer bem.

Nesses anos, a atração deixou SP e passou a ser gravada no Rio. De que forma isso a afetou?
Ganhei e perdi, mas tenho o melhor dos dois mundos. A inquietude de São Paulo e o encantamento e a beleza do Rio.

Você também se tornou avó. Como é ver esta geração nova?
Trouxe-me vida, encantamento, vontade de estar junto. Sei que sou uma avó diferente, ocupada, passo tempo longe e isso só aumenta o prazer dos momentos com a Joana e a Maria, filhas da Mariana, e com Bento, do Pedro. Adorei esse papel que a vida me reservou agora.

Que balanço faz da atração?
Para mim, foram 15 anos muito intensos! A cada dia é uma emoção renovada. O conhecimento e a experiência trazem um conforto de se saber o caminho a seguir. Sem nunca perder o foco e a busca pelo novo. É isso que me move, me motiva. O Mais Você me trouxe a oportunidade de conhecer vários assuntos, de participar de muitas histórias, fazer amigos, pessoas que eu nem conheço, mas que me reconhecem e me mandam uma energia boa.