Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Kate Upton, uma das mais importantes tops da atualidade, inspira mulheres do mundo inteiro

A top americana, que levou o prêmio de 'modelo do ano' em 2013, ganhou as passarelas com suas curvas e aparência de “girl next door”. E naturalmente virou uma referência de autoestima para as mulheres

CARAS Digital Publicado em 08/08/2014, às 11h01 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Kate Upton - Getty Images
Kate Upton - Getty Images

Em entrevista para a revista The Talks, a top Kate Upton conta como se tornou uma inspiração para mulheres do mundo inteiro. "Elas também me inspiraram", completa.

Você fotografou para as maiores publicações do mundo. Por que você acha que as pessoas a querem nas capas?
Porque sou o público-alvo destas revistas. Amo a moda e, como uma menina comum,  tenho uma conexão com as pessoas. Na maior parte do tempo, as modelos têm suas imagens retocadas ou elas são verdadeiramente muita magras. E as mulheres entram em depressão ao comprar esta ideia. De qualquer forma, aquela top skinny também é um pouco deprimida. Eu amo meu corpo e me sinto muito confiante.

+ Kate Upton faz ensaio de moda em gravidade zero

E você sempre foi assim?
Não. No início da minha carreira era terrível. Mas então me inspirei exatamente nas mulheres que inspirava e isso me deixou mais forte. Todo o mundo passa por fases ruins – como quando você não consegue aquele emprego que queria ou quando falam mal do seu corpo. Recebo críticas do mundo inteiro. Elas machucam tanto quanto aquelas recebidas pela menina que é maltratada na escola ou aquela mulher que está sofrendo no trabalho. Por isto, hHoje sinto que tenho uma voz que está ajudando a mulher a encontrar seu caminho.

Por ter se tornado esta porta-voz que você deixou de fazer fotos nuas? Estes ensaios são bastante comuns no mundo fashion - modelos como Kate Moss, Naomi Campbell e Lara Stone já posaram para fotógrafos renomados.
Para mim estas fotos são como arte. O corpo é arte, o corpo é lindo. Mas com as redes sociais e a internet precisamos ter mais atenção com isto – porque as fotos podem vazar ou aparecer em sites e blogs onde elas não deveriam estar.

+ Modelo do ano: veja seis curiosidades sobre Kate Upton

O mundo a considera uma bombshell. Como você lida com este título?
Comecei assim [fazendo ensaios sensuais], então fico feliz com este título. Mas como minha carreira está evoluindo, as pessoas começarão a me ver de outra forma. Sou paciente. No começo, tentava controlar todos os meus passos. Sempre tive na cabeça onde eu queria chegar.

+ Kate Upton completa 21 anos; reveja a trajetória da modelo!

Mesmo quando era adolescente?
Virei modelo aos 15 anos. Antes disso, praticava hipismo [ela foi campeã juvenil]. Minha mãe sempre me encorajou a tomar as rédeas da minha vida e do meu sucesso. Levei este conhecimento das competições para as passarelas e vi que podia ser bem-sucedida mesmo novinha. Os agentes me pediram para “esperar meu momento”, mas sempre acreditei que eu tinha que fazer este momento acontecer. Como as modelos são muito jovens, elas podem ser intimidadas pelas agências, mas eu nunca sofreria este tipo de bullying.

Leia a entrevista na integra, aqui.