Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Ivan Aguilar, estilista de Lula, estreia na semana de moda de Nova York com coleção feminina

Ivan Aguilar, conhecido com o alfaiate dos ex-presidentes Lula e Fernando Henrique Cardoso, faz sua estreia na moda feminina na New York Fashion Week. Veja os croquis e a entrevista exclusiva com o designer

Juliana Cazarine Publicado em 06/02/2014, às 17h40 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Ivan Aguilar, estilista de Lula, estreia na semana de moda de Nova York com coleção feminina - Foto-montagem
Ivan Aguilar, estilista de Lula, estreia na semana de moda de Nova York com coleção feminina - Foto-montagem

Ivan Aguilar faz sua estreia na New York Fashion Week, no sábado, 8, com a sua primeira coleção de moda feminina. E depois de vestir os ex-presidentes Fernando Henrique Cardoso e Lula, avisa: “a ‘mulher Ivan Aguilar’ é sofisticada e autêntica, com o perfil de Michelle Obama, Kate Middleton e Taylor Swift.” O ‘alfaiate do presidente’ dedicava sua carreira exclusivamente à moda masculina até 2009, quando desfilou pela última vez no Fashion Rio. E agora, volta às passarelas na edição de outono-inverno da semana nova-iorquina repleto de novidades, com uma coleção inspirada na arquitetura urbana de Barcelona, nos minerais e pedras preciosas do Brasil e na arte barroca. “Redescobri a minha criatividade como designer”, diz o estilista.

+ Selena Gomez usa suéter vermelho e repete look de Taylor Swift e mais famosas

+ Veja 20 famosas que usam looks totalmente verdes

- Por que decidiu entrar no mercado de moda feminina?

Porque é um universo infinitamente maior e suas inúmeras possibilidades me dão mais liberdade para criar e ousar.

- E foi a moda feminina que te fez querer voltar às passarelas?

Sim. A vontade de voltar aconteceu por causa dessa paixão, recém-descoberta, que é a moda feminina. As possibilidades de combinações e as cartelas de cores e formas variadas, me permitiram redescobrir a minha criatividade como designer e trouxeram à tona uma empolgação quase adolescente.

- Mas por que ficou tanto tempo longe (cerca de cinco anos)?

Estive afastado das passarelas por estar focado em outros projetos, como minha linha de ternos sob medida e a minha loja, em Vitória, no Espírito Santo. As minhas atividades exigiam a minha atenção integral e acabava não sobrando tempo para outras coisas.

- Por que escolheu Nova York e não Rio de Janeiro ou São Paulo?

A chance de desfilar em Nova York, além de ser um grande sonho, foi a que surgiu primeiro. Mas é claro que seria maravilhoso apresentar minha primeira coleção feminina no Brasil, porém, esse primeiro desfile não impede que eu apresente a coleção no meu país depois.

- Além da sua própria marca, esteve envolvido em outros projetos nos últimos anos?

Assessorei dois projetos de moda: uma linha de beachwear norte-americana lançada em Nova York em junho de 2012; e uma marca de moda jovem masculina, lançada recentemente, em janeiro, em São Paulo.

- E agora como fica o trabalho com a moda masculina?

Vou continuar com o trabalho na minha loja, onde faço roupa sob medida para homens.