Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

KARINA BACCHI BAILA EM NOITE MÁGICA

ELA FAZ 30 ANOS EM MEGAFESTA À ESPANHOLA E DÁ UMA CHANCE NOVA AO AMOR

CARAS Digital Publicado em 04/10/2006, às 15h37 - Atualizado em 16/01/2019, às 13h57

Karina entre as hostesses à la Carmen
Karina entre as hostesses à la Carmen

Uma espanhola linda, sensual, insinuante. Foi esta a persona que Karina Bacchi vestiu para festejar - antecipadamente, a data certa é 9 de outubro - seus 30 anos, em noite com ares de superprodução na Casa das Caldeiras, em São Paulo. Após colocar, em fevereiro, um ponto final na relação de dez anos com o publicitário Sergio Amon (45) e viver affaire de dois meses com o ator Murilo Benício (34), a atriz de Cidadão Brasileiro, da Record, exalava tamanha alegria que os mais próximos se perguntavam se o coração da loura já não teria novo dono. "O namoro não tem volta. Eu e Amon estamos cada vez mais distantes", confirmou Karina na festa para 500 vips que teve como tema a Espanha, ascendência paterna da bela. Sobre Benício, ela foi incisiva: "Terminamos em junho e nunca mais conversamos e nem há por quê. Ele não é a pessoa para estar ao meu lado. Não porque é ele, mas duas pessoas para estar juntas precisam estar satisfeitas; não foi o nosso caso", resumiu. Ao lado de seus pais, Italo (56) e Nadia Bacchi (56), Karina recebeu amigos e, à certa altura da balada, que teve direito a DJ e pocket show de Sidney Magal (50) - com quem ela contracenou na novela global Da Cor do Pecado, em 2004 - abriu seu coração. "Quando a gente se machuca demais, pode ser que a vida ofereça a chance de uma guinada. Por isso, estou me permitindo ver as pessoas com outro olhar", afirmou. "Conheci alguém hoje que me empolgou. Não vou dizer quem é, pois nem sei se ele se interessou, se vai haver novo encontro. Ainda é cedo. Não se trata desta história de 'a fila anda.' Isso é superficial, não sou assim. Não tenho saído, ficado com ninguém. Apenas me interessei por alguém e não vou me negar a ser feliz se a possibilidade surgir", concluiu. "Recebi vários pedidos de aprovação de pretendentes a genro", divertia-se Nadia. Linda em decotado longo by Arthur Caliman (27), Karina desfilava entre o vermelho do décor: 360 velas em candelabros de ferro enfeitados com 2 000 rosas de papel, lustres de cristal negro, cortinas, sofás e pufes de veludo rubro e mais de 10 000 dálias, cravos, gerânios e suspiros vermelhos, a cor da paixão. Nas mãos das recepcionistas vestidas à la Carmen, de Bizet, copos de sangria como boas-vindas. Até uma plaza, com chafariz e chão de folhas de louro, foi criada para remeter ao caliente clima hispânico. "Sinto-me em casa com todas estas rosas", disse José Valien (59), o "baixinho" dos comerciais da Kaiser, nascido em Barcelona. "Eu e Karina formamos um lindo par e arrasamos na pista ao som de Magal", disse, rindo. "Essa menina vai longe", pressagiou o cantor e ator Gilbert Stein (58), colega de elenco de Karina na novela. Além da agitada pista de dança, entretiam os convidados apresentações de flamenco e de violonistas espanhóis. O bufê típico era uma atração, incluindo o jamon- presunto curado -, sopa de tomate, tortilla de fiambre e de peixe, vinagrete de polvo e, claro, paella. Tudo regado a Cordon Negro, espumante espanhol, vinho, cerveja e scotch. "Se pudesse, pedia dois presentes ao universo: entrar 2007 como apresentadora de um programa de TV para jovens e estar com o coração em festa, na companhia de um amor. Quem sabe...", comentou Karina, entre amigos como os casais Anike Wainztein (33) e Johnny Nahmias (27) e Chiquinho Scarpa (55) e Rosimari Bosembecher (34), as atrizes Adriana Alves (27) e Renata Schmidt (24) e o comentarista esportivo da Record Álvaro José (50). "Tinha muitos motivos para estar aqui hoje. Minha estréia na Globo foi justamente na novela em que Karina atuava, esta mulher maravilhosa, talentosa, bonita e tudo mais o que vocês pensarem. Pois há coisas que a gente só pensa...", brincou Magal. "Nos conhecemos contracenando na novela Agora é Que São Elas, da Globo, e rolou uma afinidade imediata. Ela foi uma descoberta em minha vida", disse Raoni Carneiro (24), a quem Karina considera "seu irmão número 2". O número 1, Alexandre Bacchi (32), não compareceu, em campanha para a candidatura - sem êxito - para deputado federal pelo Partido Verde. "Que Karina continue divertida e parceira", disse Caliman, referindo-se também às campanhas e desfiles de sua grife estrelados pela amiga. "Karina é uma fofa. E a festa, imperdível", definiu Anike, apresentadora da Band. Ao deixar a Casa das Caldeiras com os pais, Karina estava mais leve e com a esperança no amor renovada. "Trago as imagens da noite fervilhando na cabeça. Elas permanecerão aqui por toda a vida", suspirou, com os grandes olhos azuis cintilando como os de uma criança que espera - mais um - presente. FOTOS: GUSTAVO SCATENA / IMAGEM PAULISTA