Revista #ÉDaMinhaConta

Intolerância pauta série de vídeos nas redes

sexta 8 novembro, 2019
Xuxa com Ray Neon, a Raíssa Galvão e Jojô Toddynho
Xuxa com Ray Neon, a Raíssa Galvão e Jojô Toddynho Blad Meneghel


Em campanha, ela conduz entrevistas com vítimas e clama por mais amor na sociedade

Uma das comunicadoras mais poderosas do País, sempre engajada em causas sociais e humanitárias ao longo de sua carreira, Xuxa Meneghel (56) foi escolhida para liderar a campanha #ÉDaMinhaConta, encabeçada pelo Instagram em parceria com a SaferNet, a própria Xuxa e a Revista CARAS. Uma vez por semana, a apresentadora conversa com celebridades e jovens que sofreram com o bullying. “Cada caso é um caso, não existe bula pra seguir, por isso fizemos este programa, pra tentar ajudar as pessoas, mas acima de tudo mostrar que bullying é um assunto que todos podem e devem ajudar a combater, que preconceito e discriminação são crimes e todos devem se envolver e ajudar. Precisamos ouvir, prestar apoio, ajudar a educar quem faz ou fez bullying mostrando o quanto mal está fazendo, que o próximo a sofrer pode ser o seu próprio filho ou alguém próximo, ou seja, não tem como generalizar, mas conversar, se informar e educar nunca é demais”, explicou ela.

Os vídeos estarão no IGTV da apresentadora, @xuxamenegheloficial, e no de CARAS, @carasbrasil, uma vez por semana a partir do dia 8 com histórias de personalidades como a atriz Bruna Linzmeyer (26), a apresentadora Adriana Bombom (45), o ginasta Diego Hypólito (33) e o jornalista Bruno Rocha (33), o Hugo Gloss, entre outros. “Quando penso em jovens que estão em formação física, emocional e intelectual, penso em quanto a gente precisa estar liberto para pensar e sentir coisas. É o grande momento de descobrir. O bullying, a discriminação, os crimes de homofobia, racismo etc vêm para fazer cortes, construir muros, paredes… Não precisamos de nada disso, ao contrário”, disse Bruna.

A série tem como objetivo promover empatia e mostrar às pessoas como quebrarem o ciclo de agressão cotidiana, ajudando jovens a estimular a convivência pacífica e diferenciar brincadeira de violência, e pais e educadores a lerem sinais de que um adolescente pode estar sofrendo ou praticando bullying. “Estamos comprometidos em lutar contra o bullying e em manter no Instagram um ambiente positivo, seguro e inclusivo para que todos possam se expressar livremente”, explicou Natalia Paiva (35), gerente de políticas públicas do Instagram para a América Latina. “A gente vive em um mundo muito problemático, então não seja mais um. Seja luz na vida dos outros. Nós temos que ter aquilo dentro de nós, que se chama justiça divina. Nada do que você fizer com os outros vai ser impune. Plante o bem para colher o bem”, disse a cantora Jojô Toddynho (22).

por Revista CARAS
Atualizado quinta 7 novembro, 2019 (334262)

Mais conteúdo sobre:

TV CARAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

  1. 1 Durante entrevista, Selena Gomez abre o coração e fala sobre abuso emocional que sofreu no último relacionamento! Selena desabafa abuso emocional que sofreu de Justin Bieber
  2. 2 Mãe de Chay diz que Laura Neiva ocupou seu lugar de mulher
  3. 3 Ary Fontoura completa 87 anos e recebe homenagem de famosos
  4. 4 Fernanda Lima celebra o terceiro mês da filha caçula, Maria
  5. 5 BBB 20: Petrix justifica seu voto para Bianca Andrade