Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Kim Kardashian divulga conversa de Taylor Swift com Kanye West e inicia 'barraco' virtual

Em áudio, Kanye West conta para Taylor Swift que iria citá-la na música 'Famous', contradizendo a versão da cantora de que ele não teria pedido autorização para ela

CARAS Digital Publicado em 18/07/2016, às 08h41

Kim Kardashian diz desprezar Taylor Swift - Getty Images
Kim Kardashian diz desprezar Taylor Swift - Getty Images

Taylor Swift não está em uma boa fase. Depois do ex-namorado Calvin Harris escrever um desabafo e criticá-la publicamente no Twitter, o que rendeu uma alfinetada de sua rival Katy Perry, a jovem cantora agora está no meio de um barraco virtual com Kim Kardashian

+ Calvin Harris reclama de Taylor Swift: 'Se você está feliz no seu novo relacionamento, foque nele'

Neste domingo, 17, Kim divulgou áudios do marido, Kanye West, ligando para Taylor dentro de um estúdio e a avisando que iria citá-la na música Famous, que tem causado polêmica nas redes sociais. Na letra, Kanye diz: "Eu acho que eu e Taylor devíamos vamos transar. Eu fiz aquela vadia famosa". 

Na conversa, Kanye lê alguns trechos da música para Taylor e afirma 'não querer fazer rap para as pessoas se sentirem mal'. "Sim, escolha a linha que você achar melhor", responde a cantora. "Eu realmente fico feliz por você me ligar, foi realmente legal", continua Taylor. "Eu gostei muito, mesmo por perguntar ou procurar saber se eu estaria bem com isso, eu realmente aprecio isso. Eu nunca esperaria que você me ligasse para falar sobre uma linha em uma de suas músicas", diz ela. 

"Relações são mais importantes que frases de impacto", responde Kanye. "Eu não acho que ninguém vai ouvir isso e achar que é uma ofensa real, que deve me fazer chorar. Você tem que contar a história do jeito que aconteceu com você e do jeito que você viveu. Você realmente não sabia quem eu era antes. Não importa que eu vendi sete milhões de álbum antes que você fizesse isso, o que aconteceu, você não sabia quem eu era. Está tudo bem", comenta Taylor. 

Kim divulgou os áudios no Snapchat, onde também comemorou o Dia da Cobra. Os fãs na internet, claro, entraram em guerra. 

Quando Kanye divulgou a música Famous, Taylor Swift se disse ofendida pela letra da canção, chegou a criticá-lo por 'usar a fama dela para se promover' durante um prêmio e seus representantes emitiram um comunicado à imprensa que dizia: "Kanye não ligou para pedir a aprovação dela, mas para pedir para ela divulgar Famous no Twitter dela. Ela recusou e o alertou sobre lançar uma música com uma mensagem tão missógina. Taylor nunca foi informada sobre a letra 'eu fiz aquela vadia famosa'". 

Por conta da repercussão dos áudios, Taylor acabou divulgando um outro comunicado em seu Instagram. “Onde está o vídeo do Kanye dizendo que iria me chamar de ‘Aquela vadia’ na música dele? Não existe porque isso nunca aconteceu. Você não tem o poder de controlar a resposta de caráter emocional de alguém em ser chamada de ‘aquela vadia’ diante de todo o mundo. Claro que eu queria gostar da música. Eu queria acreditar no Kanye quando ele disse que eu iria amar a música. Eu queria que nós tivéssemos uma relação amigável. Ele prometeu que me mostraria a música, mas nunca mostrou. Enquanto eu quis apoiar Kanye na ligação, você não pode ‘aprovar’ uma música que nunca ouviu. Ser falsamente chamada de mentirosa quando eu nunca soube da história inteira ou participei de qualquer parte da música é um assassinato a minha pessoa. Eu gostaria de ser excluída desta narrativa, a qual eu nunca pedi para fazer parte, desde 2009", diz o texto, que foi divulgado com a legenda: “Aquele momento em que Kanye West secretamente grava sua ligação, e então Kim posta na Internet”.