Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Esporte / Saúde!

Pelé é diagnosticado com metástase no intestino, fígado e pulmão

O Rei Pelé está sendo monitorado e realiza quimioterapia para evitar que os tumores se espalhem pelo corpo

CARAS Digital Publicado em 21/01/2022, às 22h00

Pelé é diagnosticado com metástase no intestino, fígado e pulmão - Reprodução/Instagram
Pelé é diagnosticado com metástase no intestino, fígado e pulmão - Reprodução/Instagram

Edson Arantes do Nascimento, o Pelé (81), recebeu alta nesta quinta-feira, 21, após retornar ao Hospital Albert Einstein para continuar o processo de quimioterapia.

Segundo informações do site ESPN, o ex-jogador de futebol está seguindo o tratamento do câncer no cólon e também realizou um estadiamento. Esse procedimento serve para verificar a localização exata e se a doença se espalhou ou não.

O Rei Pelé está com um tumor no intestino, no fígado e no pulmão, que está no início. Os médicos estão preocupados com o tumor que está localizado no fígado, já que não poder ser retirado em cirurgia. O ex- atleta segue sendo monitorado de perto e realiza quimioterapia para evitar que a doença se espalhe pelo corpo.

- Pelé reflete sobre 2021: ''Foi um ano ainda mais desafiador para mim''

Novo boletim médico

O Hospital Albert Einstein divulgou um novo boletim médico sobre o quadro de saúde de Pelé. A nota é assinada pelos médicos Fabio Nasri (geriatra e endocrinologista), Rene Gansl (oncologista) e Miguel Cendoroglo Neto (Diretor-Superintendente Médico e Serviços Hospitalares).

"Edson Arantes do Nascimento esteve internado no Hospital Israelita Albert Einstein nos dias 19 e 20 de janeiro para dar sequência ao tratamento do tumor de cólon, identificado em setembro de 2021. O paciente recebeu alta nesta quinta-feira (20) e está com condições clínicas estáveis".

Vale lembrar que Pelé foi diagnosticado com câncer no cólon em setembro do ano passado e até chegou a passar por uma cirurgia. Frequentemente ele é internado para realizar novos exames.