Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Atualidades / ENTREVISTA

Paula Burlamaqui sobre futuro como atriz: 'Os convites devem ficar cada vez menores'

Em entrevista exclusiva à Revista CARAS, a artista avalia sobre os lados positivos e negativos do amadurecimento e futuro no audiovisual

Atriz Paula Burlamaqui fala sobre amadurecimento em frente às cameras - Virna Santolia
Atriz Paula Burlamaqui fala sobre amadurecimento em frente às cameras - Virna Santolia

Com mais de 36 anos de carreira, a atriz Paula Burlamaqui (56) concedeu uma entrevista para a Revista CARAS e durante a conversa compartilhou um pouco mais com relação ao envelhecimento em frente às câmeras: “Acho que os convites devem ficar cada vez menores, mas se me chamarem eu vou”.

Paula também comenta que a carreira de atriz no audiovisual é um pouco mais complicada com o passar dos anos, pois depende da aprovação, tanto do produtor quanto do autor. 

“Tenho percebido que, quando você vai ficando mais velha, os papéis na TV e no cinema vão diminuindo. No teatro é mais fácil. Mas isso não me chateia, é a realidade. Ainda estou com gás para fazer as coisas em que acredito”, diz 

A atriz comenta que o amadurecimento tem seus lados positivos e negativos: “Envelhecer é uma controvérsia! Ao mesmo tempo que acho horroroso e não nego isso, fiquei mais calma, segura, já não tenho mais a ansiedade da juventude”.

Entre o lado bom de envelhecer, Paula compartilha que se considera feliz com sua versão atual: “Eu me sinto mais empoderada e me acho muito mais interessante em todos os sentidos, eu só queria ter um pouco mais de colágeno!”, brinca.

Atualmente, ela integra o elenco da novela das seis, onde interpreta a psiquiatra Ligia. Responsável pelo tratamento de uma das protagonistas, Natália (Mariana Santos). 

Maternidade e vida amorosa

Durante a conversa, Paula comentou um pouco mais sobre a sua opção de não ter filhos: “Fiquei muito tempo com uma pessoa e não engravidei. Depois, acho que não tive parceiros com os quais eu idealizasse construir uma família. E aí o tempo passou!”, comentou a atriz.

Por fim, ela compartilhou o que espera de um relacionamento: “Eu busco o companheirismo, uma pessoa calma, um cara inteligente, gentil, porque a parte boa de não estar sozinha é justamente ter uma companhia”, finaliza.