Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
TV / É HOJE!

Sophie Charlotte reflete sobre interpretar Aracy de Carvalho: ''Foi transformador''

Em coletiva de imprensa, atriz Sophie Charlotte refletiu sobre sua personagem em 'Passaporte para Liberdade', a nova minissérie de Jayme Monjardim

Carolina Felski Publicado em 20/12/2021, às 15h08 - Atualizado às 15h16

Interpretando Aracy de Carvalho em nova minissérie da Globo, Sophie Charlotte reflete sobre o papel - Foto: Victor Pollak/Globo
Interpretando Aracy de Carvalho em nova minissérie da Globo, Sophie Charlotte reflete sobre o papel - Foto: Victor Pollak/Globo

Durante coletiva de imprensa na qual a CARAS Digital esteve presente, Sophie Charlotte (32) refletiu sobre a sua personagem na nova minissérie da TV Globo, Passaporte para Liberdade, que estreia hoje, 20.

Sophie interpreta Aracy de Carvalho, uma mulher brasileira que existiu e fez história. Funcionária do Consulado Brasileiro em Hamburgo, Aracy virou "heroína" ao mudar o destino de muitos judeus durante a 2ª Guerra Mundial na Alemanha.

A atriz contou que voltou à terra natal para trilhar os caminhos de Aracy na Alemanha, e que durante esta jornada, encontrou muitos paralelos entre a vida de ambas.

"Eu voltei a Hamburgo sozinha, e fiz uma pesquisa profunda ao trilhar os caminhos de Aracy na cidade. A paisagem, o clima, a comida... Eu já tinha uma relação muito profunda com tudo isso. A mãe de Aracy é alemã, assim como minha mãe", declarou.

Sophie Charlotte, que pediu o papel a Jayme Monjardim (65) ao saber do enredo da minissérie, destacou que foi muito marcante encontrar uma história como essa para se contar como atriz.

"Essa jornada da Aracy é muito poderosa. Vivê-la em cena me despertou para a importância de se ter coragem na vida. Coragem de agir segundo o coração, ouvir sua intenção, seguir adiante sem temer.... Essa coragem virou um grande lema na minha jornada", contou Sophie.

A atriz ainda relembrou a importância da minissérie em um momento difícil como o país e o mundo vivem no momento: "Eu acho que essa série é um convite a ação, para transformar a vida das pessoas, como a Aracy. Nesse sentido foi transformador. Eu espero que desperte o olhar de empatia e de humanidade em muitas pessoas".

Jayme Monjardim considera a oportunidade de poder contar esta história como 'dom da sorte' 

Durante a coletiva, o diretor Jayme Monjardim contou um pouco sobre como chegou até a história de Aracy de Carvalho. "Eu sempre digo para tomar muito cuidado com o que você pede para o destino, porque pode acontecer. É o dom da sorte, fico muito feliz por ser escolhido pelo mundo feminino para contar essas histórias", declarou.

Passaporte para Liberdade estreia nesta segunda-feira, 20, na TV Globo e na Globoplay.